Publicidade

Estado de Minas

Espanha anuncia detenção de suspeito de pedofilia


postado em 16/10/2015 09:31

A polícia espanhola prendeu em Alcoy, leste do país, um suposto pedófilo acusado de ter abusado sexualmente de pelo menos 20 menores de idade desde os anos 1990.

O suposto agressor foi detido no dia 7 de outubro, quando estava a ponto de celebrar uma festa de aniversário com 20 menores, segundo a polícia.

"As suas vítimas eram principalmente crianças entre 7 e 14 anos", informa o comunicado.

"Foram identificadas 13 vítimas, mas acreditamos que foram pelo menos 20 agredidos".

A investigação foi iniciada a partir da denúncia de um menor.

O suspeito, com cerca de 40 anos, foi detido em sua residência na província de Alicante.

Os investigadores encontraram milhares de fotos e vídeos de caráter pedófilo, alguns gravados na casa do suspeito. O agressor contava com a colaboração de um menor que o ajudava a encontrar novas vítimas.

Nos anos 1990, o suspeito conquistava a confiança dos menores em grupos de radioamadores, muito populares na época. Com a chegada da internet, passou a fazer uso de conversas online para obter fotografias e vídeos de caráter sexual de suas vítimas, passando-se por uma menina da idade delas.

Na rua, o suspeito atraía as vítimas com seu cachorro, oferecia bombons, dinheiro ou as convidava para brincar com ele. Realizava também "contratos" onde cada um redigia em um papel o que desejava: o adulto pedia favores sexuais e os menores videogames, celulares, etc.

Quando as vítimas rejeitavam seus presentes, ele ameaçava contar tudo para seus pais e, às vezes, fazia uso de violência.

O suspeito é acusado por agressão, abuso sexual de menores de 16 anos, assédio sexual, exibicionismo, exploração sexual, corrupção de menores, entre outras.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade