Publicidade

Estado de Minas

Argentina receberá refugiados sírios


postado em 21/10/2014 17:52

O governo argentino anunciou um programa de visto humanitário para receber cidadãos sírios e de países limítrofes que estejam fugindo do conflito armado nessa região - conforme publicado nesta terça-feira no Diário Oficial.

Os interessados que se candidatarem ao "Programa Síria" serão recebidos no país por um período de dois anos. Os cidadãos sírios e de países fronteiriços deverão contar com um "anfitrião", que os receberá na Argentina.

Os demandantes terão de apresentar uma carta-convite "com base no vínculo de parentesco, ou de afetividade, com cidadãos argentinos, ou com residentes na Argentina", os quais assumirão o compromisso de lhes oferecer hospedagem e ajuda - completa o texto publicado no Diário Oficial.

Entre os requisitos para ingressar no Programa, exige-se que os interessados não tenham combatido no conflito armado e não tenham antecedentes criminais.

Com isso, a Argentina se soma a outros países que já recebem refugiados sírios, como Brasil, Alemanha, Austrália, Canadá, Dinamarca, Finlândia, Holanda, Nova Zelândia, Noruega, Espanha, Suécia, Suíça e Uruguai.

Em mais de três anos de guerra civil na Síria, o número de refugiados já ultrapassou os três milhões de pessoas, segundo a Agência da ONU para os Refugiados (Acnur).


Publicidade