Publicidade

Estado de Minas

No Rio, instituto faz mutirão cirúrgico de quadril


postado em 18/11/2013 20:36

O Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia Jamil Haddad (Into), inicou hoje (18) mais um mutirão de pacientes que necessitam de cirurgia de quadril. A ação beneficiará 80 pacientes que se submeterão, até a sexta-feira próxima, às cirurgias de artroplastia primária de quadril. Este é o segundo mutirão para correção do quadril e a finalidade é acelerar o atendimento dos pacientes que aguardam na fila.

Segundo o ortopedista e chefe do Centro de Cirurgia de Quadril do Into, Marco Bernardo Cury, são vários os fatores que levam à necessidade de cirurgia, mas a artrose é a principal doença que afeta o quadril e impede que o paciente mantenha sua atividade normal.

"Os pacientes que estão operando esta semana são pacientes que tem artrose no quadril e que pode ser uma artrose pelo desgaste natural da articulação, que acontece nos pacientes de mais idade. A artrose também pode ser decorrente de alterações no quadril ocasionadas quando o paciente era criança. Neste caso, são patologias infantis que, no paciente adulto, ocasionarão a atrose. Também se incluem os pacientes que tiveram traumas, fraturas, que causaram destruição do quadril e uma doença chamada de necrose da cabeça do fêmur, que acontece por vários motivos. Um deles é o uso de bebida alcoólica ou corticoide ou uma causa genética", disse Cury.

A artrose causa dor e diminuição do movimento. Com a cirurgia,é feita a troca da articulação que está degenerada por uma prótese de quadril devolvendo o movimento. Além disso, a cirurgia também recupera o comprimento da perna pois, devido a doença, a perna diminui de tamanho com o tempo.

O pós-operatório é iniciado no período de três a quatro dias quando o paciente ainda está internado. Nesse período, ele faz fisioterapia e aprende se exercitar em casa. Se ele tiver dificuldade, o Into disponibiliza uma equipe com enfermeiro e fisioterapeuta para ir à casa e ajudá-lo no pós-operatório. A fisioterapia é um processo muito importante nos dois primeiros meses após a cirurgia.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade