Publicidade

Estado de Minas

Autor de massacre em Washington escolheu vítimas ao acaso


postado em 19/09/2013 20:04

O autor dos disparos que mataram 12 pessoas em Washington escolheu suas vítimas a esmo dentro do prédio da Marinha onde ocorreu o massacre, "como se fosse uma caçada", revelou nesta quinta-feira o diretor do FBI, James Comey.

Aaron Alexis, cujos problemas psiquiátricos foram revelados após o massacre, "parece que agiu sem direção definida ou objetivo particular", segundo a gravação de vídeo analisada pelos investigadores.

Comey realizou nesta quinta-feira o primeiro relato detalhado do tiroteio, três dias após o massacre, destacando que o FBI busca, em primeiro lugar, "compreender a vida do atirador e suas motivações".

Alexis foi cercado e morto pela polícia no local do ataque.

Comey destacou que Aaron Alexis, 34 anos, entrou às 08H00 (09H00 Brasília) de segunda-feira no prédio 197 da Marinha "levando uma bolsa, subiu até o quarto andar, foi ao banheiro e saiu com um fuzil Remington 870". "Minutos depois, começou a atirar".

"No vídeo, me parece que perambula sem uma direção em particular, como alguém que caça pessoas para abatê-las".

"Atirou em diversas pessoas no quarto andar, depois no terceiro, desceu a pé para a rua e atirou em um guarda, pegou sua arma, uma pistola Beretta, e continuou indo e vindo do prédio", revelou Comey.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade