Publicidade

Estado de Minas

Caçador que matou quatro na Áustria cometeu suicídio


postado em 18/09/2013 15:46

Um caçador chocou a Áustria ao assassinar friamente na terça-feira três policiais e um socorrista antes de cometer suicídio em sua fazenda, segundo a Promotoria.

"Estamos convencidos de que se trata de um suicídio", afirmou à agência de notícias APA a promotora de Sankt-Pölten (noroeste da Áutria) Michaela Schnell, que indicou que a necrópsia do corpo ainda esta em curso.

Um exame de DNA também será realizado para confirmar se o corpo carbonizado encontrado na fazenda pelos policiais é o de Alois Huber.

Cerca de 115.000 caçadores estão registrados no país, e os acidentes de caça são raros.

Na terça-feira, o suposto caçador matou um policial no momento de sua prisão em uma floresta em Annaberg, a 100 km de Viena.

Em seguida, ele disparou contra os socorristas que tentavam ajudar um segundo policial ferido, matando o condutor da ambulância.

Ele fugiu a pé antes de ser surpreendido por uma viatura da polícia. Ele atirou novamente e matou dois policiais que estavam no veículo, antes de roubá-lo e fazer um terceiro policial refém. Este último também foi encontrado morto.

Ainda não se sabe o que motivou os ataques. Após ter perdido sua esposa, que morreu de câncer, Alois Huber teria começado a caçar em 2005. Sem filhos, o seu único companheiro era um cachorro, que também foi morto.

Alois Huber, de 55 anos, era diretor de uma pequena empresa de transporte. Ele vinha tendo problemas com outros caçadores da região, e chegou a perder sua licença de caça após uma série de brigas.

A polícia continua suas buscas nesta quarta na fazenda do caçador, 90 km a oeste de Viena. Um membro da unidade policial de elite Cobra, Walter Weninger, disse à emissora pública ORF que um "vasto arsenal" de mais de uma centena de armas tinha sido encontrado.

Cerca de 200 membros da força policial austríaca e 135 membros da Unidade Cobra participaram da ação de ontem.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade