Publicidade

Estado de Minas

Japão quer devolução de recursos para reconstrução


postado em 02/07/2013 10:55 / atualizado em 02/07/2013 11:34

Tóquio, 02 - O governo central do Japão pediu aos governos locais e empresas públicas que devolvessem aos cofres do Estado cerca de 102 bilhões de ienes em fundos não utilizados que haviam sido destinados para reconstruir áreas devastadas pelo desastre de março de 2011, afirmo o Kyodo News.

 A decisão foi tomada depois de uma análise da Agência de Reconstrução sobre o uso real do orçamento referente ao desastre, em meio a crescentes críticas de que ele pode estar sendo usado para outros fins, tais como aumento do emprego fora das áreas atingidas.

 A exigência do governo central de devolução dos recursos já orçados é algo extremamente raro, ressaltou o Kyodo.

 Sob o terceiro orçamento extra para o ano fiscal de 2011 e o orçamento inicial para o ano fiscal de 2012, o ministério de Finanças e a Agência de Reconstrução destinaram cerca 1,2 trilhão de ienes em fundos para os trabalhos de reconstrução. A maioria dos projetos já está em andamento ou sob contrato.

 O gasto foi destinado para enfrentar o impacto da crise na usina nuclear Daiichi Fukushima, reconstruir estradas, portos e outros aspectos de infraestrutura em Iwate, Miyagi e Fukushima, além de ajudar as pessoas que vivem nas províncias mais danificadas a encontrarem emprego. Fonte: Dow Jones Newswires.


Publicidade