Publicidade

Estado de Minas

Camboja condena britânico de 71 anos por ter abusado de crianças


postado em 20/12/2012 12:16 / atualizado em 20/12/2012 16:30

Um britânico de 71 anos foi condenado nesta quinta-feira no Camboja a dois anos de prisão, um dos quais com remissão condicional, por ter abusado sexualmente de crianças, em um veredicto considerado muito clemente pelas ONGs.

 Reginald Blakeley, que trabalhava como professor de inglês em um estabelecimento local até ser preso em janeiro na cidade de Siem Reap (norte), foi declarado culpado de ter infligido atos indecentes contra cinco crianças de 7 a 14 anos.

 "Foi condenado a dois anos de prisão, mas o tribunal ordenou que cumpra apenas um deles", afirmou à AFP o juiz Hok Pov após a audiência. Também foi condenado a uma multa de 500 dólares e pagará 150 dólares às três vítimas, já que as outras duas não exigiram nada.

 Samleang Seila, diretor no Camboja da ONG Ação pela Infância (APLE), considerou a pena "muito clemente".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade