Publicidade

Estado de Minas

Libertado um dos reféns do banco de Toulouse

De acordo com fontes policiais, o homem deu um tiro no local, mas ninguém ficou ferido


postado em 20/06/2012 11:00

Um dos quatro reféns mantidos em um banco de Toulouse (sul da França) por um homem que afirma ser integrante da Al-Qaeda foi libertado e as discussões continuam a respeito dos outros três, informaram fontes policiais. O refém libertado é uma mulher. O diálogo com o sequestrador continua para tentar obter a saída dos outros três, que receberam comida, segundo a polícia.

O autor do sequestro tem antecedentes psiquiátricos, segundo fontes ligadas ao caso. Ele exigiu a presença de unidades de elite da polícia. De acordo com fontes policiais, o homem deu um tiro no local, mas ninguém ficou ferido. Entre os reféns está o gerente do banco. Ele exigiu dinheiro dos funcionários do banco, que não o levaram a sério. O sequestrador sacou uma arma e iniciou o rapto.

O promotor de Toulouse, Michel Valet, informou que a polícia organizou um dispositivo para dialogar com o sequestrador. A polícia criou um perímetro de segurança ao redor da agência para afastar os curiosos. Os pais dos alunos de uma escola vizinha ao banco foram chamados para buscar os filhos.

A cidade de Toulouse foi cenário em março dos ataques de Mohamed Merah, um jihadista que matou três militares e quatro judeus, incluindo três crianças. Merah, que alegava ser membro da Al-Qaeda, morreu em 22 de março em uma ação policial contra o apartamento no qual estava entrincheirado.


Publicidade