Publicidade

Estado de Minas

FMI deve resolver sucessão de Strauss-Kahn em breve, diz lider UMP


postado em 18/05/2011 07:27

Um dos líderes da União por um Movimento Popular (UMP), Jean Francois Cope, partido do presidente francês Nicolas Sarkozy, afirmou nesta quarta-feira que o Fundo Monetário Internacional (FMI) deve "resolver" a substituição de Dominique Strauss-Kahn à frente do organismo "nos próximos dias". "Não vejo como pode exercer as funções de diretor-gerente do FMI. Portanto, este assunto deverá ser decidido nos próximos dias", afirmou Cope à imprensa ao ser questionado sobre o futuro de Strauss-Kahn à frente do FMI, instituição que comanda desde 2007.

Strauss Kahn, 62 anos, está detido nos Estados Unidos, onde foi indiciado por agressão sexual e tentativa de estupro de uma camareira de um hotel de Manhattan no sábado.

Vários governo já deram a entender que é preciso buscar um substituto para o francês, que também era o grande favorito para as eleições presidenciais francesas de 2012.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade