Publicidade

Estado de Minas

Partido denuncia matança no Congo


postado em 07/11/2008 07:36 / atualizado em 08/01/2010 04:06

A República Democrática do Congo (RDC) denunciou nesta sexta-feira que os rebeldes do deposto general tutsi Laurent Nkunda praticaram "matanças" na região leste do país, em declarações do porta-voz da presidência, Kudura Kasongo, à imprensa em Nairóbi antes do início de uma reunião de cúpula sobre o conflito.

"Cometeram matanças e ao que parece a MONUC (Missão da ONU na RDC) não fez nada", acusou Kasongo. O porta-voz do presidente Joseph Kabila também voltou a acusar Ruanda de envolvimento no conflito em Kivu. "Ruanda deve para de interferir nos problemas congoleses. Ruanda está envolvida nas atuais violências", afirmou.

No fim de agosto foram retomados os combates entre a rebelião de Laurent Nkunda e o Exército congolês na província de Kivu Norte, fronteira com Ruanda. Kinshasa acusa Kigali de apoiar a rebelião, o que o governo ruandês nega.


Publicidade