Jornal Estado de Minas

AUXÍLIO BH

Mais de 140 mil famílias de BH já concluíram cadastro para receber auxílio

O pagamento do Auxílio Belo Horizonte, que visa a transferência de renda para famílias de baixa renda da capital mineira, começa no dia 15 de dezembro. Até o momento, segundo a prefeitura, 143.075 famílias já deram entrada no processo e receberão o benefício já na primeira rodada de depósitos. O número equivale a pouco mais de 55% das famílias elegíveis para receber os valores.





As famílias, segundo a prefeitura, poderão solicitar o auxílio até 15 de fevereiro do próximo ano. O executivo também disse, em nota, que segue realizando buscas e orientando a população elegível sobre a adesão ao benefício.

Após a primeira semana de consultas, a prefeitura indicou que, das 152 mil famílias vulneráveis socialmente inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), com renda de até meio salário mínimo, 53% já solicitaram o benefício. Neste caso, as famílias têm direito a receber R$ 600, pagos em seis parcelas mensais de R$ 100.

Famílias em extrema pobreza, com renda de até R$ 89 e famílias em situação de pobreza, com renda de até R$ 178, têm direito a receber mais um benefício de R$ 1,2 mil e R$ 600, respectivamente.





"No caso das 72 mil famílias em situação de extrema pobreza, cerca de 40 mil famílias já fizeram a solicitação do benefício, ou mais de 55%. No caso das 16 mil que estão em situação de pobreza, a porcentagem chega a 61% do público total, com 10 mil famílias concluindo o processo", afirma a PBH.

Quem também pode solicitar o benefício são famílias com estudantes inscritos na rede municipal de ensino. Ao todo, 62,78% da população elegível nesse quesito já solicitou o auxílio de R$ 100 para dezembro como complementação da alimentação escolar. Neste caso, 154.257 famílias podem pedir o benefício, mas 96.838 já entraram com a solicitação formal até o momento.

A adesão foi maior entre as famílias com estudantes e que têm direito a acumular outro benefício devido à situação de renda. Isso porque 80,52% já entrou com a solicitação. São 43.535 famílias encaixadas no quesito, sendo que 35.056 já formalizaram o interesse no benefício. "É importante que essas famílias acessem o site até 30 de novembro para garantir o recebimento do benefício no mês de dezembro", salienta a prefeitura.

Além do pagamento até dezembro deste ano, haverá outros três depósitos: até 15 de janeiro, 15 de fevereiro e 10 de março de 2022.

O Executivo municipal também estima que mais de 1 milhão de pessoas podem ser impactadas diretamente pelo benefício. Mais informações sobre o Auxílio BH podem ser acessadas por meio do site.




audima