Publicidade

Estado de Minas CHUVAS CHEGARAM

Temporal castiga BH e assusta moradores na noite desta quarta-feira

Tempestade intensa seguida de vendaval atinge diversas regiões de BH


14/10/2020 19:59 - atualizado 14/10/2020 21:40

Ver galeria . 7 Fotos Defesa Civil chegou a registrar ventania de 85,4 quilômetros por hora na Estação Cercadinho, no Buritis, Região Oeste de BHGladyston Rodrigues/EM/D.A Press
Defesa Civil chegou a registrar ventania de 85,4 quilômetros por hora na Estação Cercadinho, no Buritis, Região Oeste de BH (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press )
Um temporal acompanhado de muita ventania, castigou boa parte de Belo Horizonte na noite desta quarta-feira (14). 

 

De acordo com a Defesa Civil de BH, todas as nove regionais da capital mineira registram chuva extremamente forte na noite desta quarta. Mais cedo, o órgão emitiu alerta para pancadas de chuva na cidade. 

 

 

 

Por meio das redes sociais, moradores das regiões mais atingidas fizeram relatos até mesmo de chuva de granizo. Tal fato aconteceu, inclusive, no Bairro Planalto, Norte de BH.

 

Paredes caíram no Bairro Pompéia, Leste de BH(foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)
Paredes caíram no Bairro Pompéia, Leste de BH (foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)
 

 

No Bairro Pompéia, Leste de BH, os fortes ventos que atingiram a cidade derrubaram parte das paredes laterais e do fundos do terceiro andar de uma casa na Rua Pitangui, próximo a um supermercado e uma igreja. Os escombros atingiram o imóvel vizinho, mas ninguém ficou ferido. 

 

 

 

As paredes, segundo o Corpo de Bombeiros, eram novas. Haviam sido erguidas na tarde desta quarta. Militares se deslocaram ao local para vistoriar a estrutura.

 

Em Venda Nova, moradores registraram o Córrego Capão prestes a inundar. O manancial é um dos contribuidores do Córrego Vilarinho e passa pelos bairros Céu Azul, Lagoa, Piratininga e Flamengo. 

 

Córrego Capão, em Venda Nova, chegou ao seu limite na noite desta quarta(foto: André Carvalho)
Córrego Capão, em Venda Nova, chegou ao seu limite na noite desta quarta (foto: André Carvalho)

 

A Defesa Civil chegou a registrar ventania de 98 quilômetros por hora na Estação Cercadinho, no Buritis, Região Oeste de BH 

 

Entre 19h e 21h, a Defesa Civil registrou a maior quantidade de chuvas na Região Nordeste da cidade, onde caíram 37,6 milímetros. O valor equivale a 35,9% da média histórica esperada para o mês: 104,7 mm.

 

A Regional com o menor acumulado no período foi Venda Nova, com 24 mm.  

 

Na Grande BH, houve registro de chuva forte em Contagem. No Bairro Eldorado, houve muita ventania, assim como na capital mineira.  

 

Ainda na Região Metropolitana de BH, a orla de Lagoa Santa registrou alagamento na altura do Bairro Praia Angélica. 

 

Mais cedo, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alertou para possível tempestade em BH e em cidades das regiões Central, Sul e Zona da Mata.

 

A chuva que cai nesta quarta era esperada pela população depois de recordes consecutivos de altas temperaturas em BH. Há exatamente uma semana, o Inmet computou a maior temperatura da história da capital mineira: 38,4°C.

 

Confira, abaixo, o acumulado de chuvas (em milímetros), das 19h às 21h desta quarta por regional de BH:

 

Barreiro - 26,4 (25,2% da média histórica)

Centro Sul - 30,6 (29,2%)

Leste - 30,4,8 (29,0%)

Nordeste - 37,6 (35,9%)

Noroeste - 31,2 (29,8%)

Norte - 35,8 (33,2%)

Oeste - 28,6 (27,3%)

Pampulha - 33,0 (31,5%)

Venda Nova - 24,0 (22,9%)

 

Fonte: Defesa Civil de Belo Horizonte

 

Média Climatológica OUTUBRO: 104,7 mm 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade