Publicidade

Estado de Minas AVANÇO DA PANDEMIA

Mais de 50% das mortes por COVID-19 em Minas ocorreram nas 10 maiores cidades

Número de habitantes desses municípios representa 30% da população mineira


postado em 30/06/2020 11:44 / atualizado em 30/06/2020 12:04

Uberlândia lidera o ranking no número de casos em Minas(foto: Prefeitura de Uberlândia/Divulgação)
Uberlândia lidera o ranking no número de casos em Minas (foto: Prefeitura de Uberlândia/Divulgação)


O número de mortes por COVID-19 nas 10 cidades mais populosas de Minas Gerais representa mais da metade dos óbitos registrados em todo o estado. Com base no último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde, a doença já matou 494 pessoas nas 10 maiores cidades de Minas, o que equivale a 51,1% do total de óbitos até agora (965). 
 
O número de casos registrados nas 10 cidades mais populosas também é alto em relação ao total verificado no estado. Nelas, são 19.001 diagnósticos positivos para a COVID-19, o que representa 42,2% dos 45.001 casos da doença. 
 
O que chama a atenção em relação a essas maiores cidades (Belo Horizonte, Uberlândia, Contagem, Juiz de Fora, Betim, Montes Claros, Ribeirão das Neves, Uberaba, Governador Valadares e Ipatinga) é que a soma de seus habitantes não chega a ter o mesmo percentual em relação à população do estado: são cerca de 30% dos 21 milhões de mineiros. 
 
Ipatinga ocupa a terceira posição em número de casos(foto: Prefeitura de Ipatinga/Divulgação)
Ipatinga ocupa a terceira posição em número de casos (foto: Prefeitura de Ipatinga/Divulgação)
 
Outro dado relevante nessa relação diz respeito a Ipatinga, que ampliou a testagem rápida depois de salto nos casos. A cidade do Vale do Aço tem a décima maior população do estado, mas está em terceiro lugar no número de casos (1.817) e quarto no número de mortes (41). 
 
Os números de Uberlândia também impressionam: A segunda maior cidade de Minas, com 691 mil habitantes, tem pouco mais de um quarto da população da capital mineira, mas já registrou mais casos de COVID-19. São 6.287 casos na cidade do Triângulo, com 78 mortes, contra 5.374 de BH, com 136 mortes.
 
A realidade das grandes cidades na pandemia contrasta com os pequenos municípios de Minas. Os dez menores (Olaria, Passabém, Antônio Prado de Minas, Paiva, Doresópolis, São Sebastião do Rio Preto, Senador José Bento, Grupiara, Cedro do Abaeté e Serra da Saudade), que têm população inferior a 2 mil habitantes, registraram, no total, 15 casos da doença, segundo o boletim da Secretaria da Saúde.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade