Publicidade

Estado de Minas EPIDEMIA

Novo caso de coronavírus sob suspeita


postado em 28/01/2020 04:00

Uma jovem de 22 anos que esteve em viagem à China, é monitorada pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) com sintomas que podem ser enquadrados como os do coronavírus. Na semana passada, a SES-MG descartou o primeiro caso suspeito. A paciente era uma mulher de 35 anos que veio da China (onde já foram registradas 82 mortes) e apresentava quadro semelhante.

Os coronavírus são uma grande família de vírus que infectam principalmente animais. Mas podem causar também infecções em seres humanos, provocando de resfriados a gripes leves e também complicações respiratórias e morte em pessoas com o sistema imunológico enfraquecido. São transmitidos entre humanos por via aérea, contato com secreções ou objetos contaminados, principalmente no inverno.

De acordo com a pasta, a mulher apresenta alguns dos sintomas respiratórios e febre baixa. Ela está internada desde sexta-feira na Unidade de Pronto Atendimento (UPA Centro-Sul) de Belo Horizonte. "A paciente passa bem, já recebeu atendimento e todas as providências necessárias foram tomadas", informou a secretaria. Ela será transferida para o hospital Eduardo de Menezes para ser acompanhada. Não foi informado pelas autoridades de qual cidade e quando a jovem retornou para a capital mineira.

Em 21 de janeiro, também foi identificada na UPA Centro Sul uma brasileira, de 35 anos, proveniente da China – esteve em Xangai – e que desembarcou na capital mineira em 18 de janeiro, com quadro respiratório compatível com doença viral aguda. Ela foi conduzida rapidamente para o Hospital Eduardo de Menezes, mas recebeu alta na tarde de quinta-feira com quadro clínico estável e segue melhorando.


Publicidade