Publicidade

Estado de Minas

Outra vítima identificada


postado em 20/10/2019 04:00 / atualizado em 19/10/2019 23:06

Buscas continuam, quase nove meses após o desastre (foto: Túlio Santos/EM/D.A Press %u2013 3/5/19)
Buscas continuam, quase nove meses após o desastre (foto: Túlio Santos/EM/D.A Press %u2013 3/5/19)
Quase nove meses depois da tragédia de Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, militares do Corpo de Bombeiros encontraram mais um corpo na lama da Vale. Segundo a corporação, o corpo masculino foi encontrado de forma íntegra e tinha um crachá no bolso, em nome de Robert Ruan Oliveira Teodoro, trabalhador terceirizado da Vale.

A identificação está confirmada pela Polícia Civil, a partir de exames de impressões digitais que já foram concluídos pelo Instituto Médico-Legal (IML). Os bombeiros destacaram que o trabalho de inteligência e cruzamentos de dados vem dando resultado positivo nas buscas pelas vítimas do desastre, que oficialmente chegam a 252 devidamente identificadas. Outras 18 pessoas seguem desaparecidas, o que significa um total de 270 mortos na tragédia com a barragem de responsabilidade da mineradora Vale.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o cadáver foi encontrado por volta das 10h20, em uma parte da área das buscas nomeada como Remanso 3. A vítima estava entre 2,5 e três metros de profundidade. As buscas do Corpo de Bombeiros já duram 268 dias. No dia 25, a tragédia completa nove meses, sem que o trabalho de procura pelos desaparecidos tenha sido interrompido por um único dia. A última vítima que tinha sido identificada foi encontrada em 4 de outubro. 


Publicidade