Publicidade

Estado de Minas

Ciclistas incentivam ida de bike ao trabalho

Apenas 0,4% dos deslocamentos diários são feitos por bicicleta na capital mineira


postado em 10/05/2019 18:13 / atualizado em 10/05/2019 20:00

Campanha é realizada no Brasil desde 2013(foto: Larissa Kümpel)
Campanha é realizada no Brasil desde 2013 (foto: Larissa Kümpel)

Vou de bike… ciclistas comemoram, nesta segunda sexta-feira de maio, o sétimo ano da campanha de Bike ao Trabalho. A iniciativa ocorre desde 2013 e é promovida pela Bike Anjo, rede de ciclistas que ajuda e incentiva pessoas a utilizar bicicleta como meio de transporte. Este ano, a campanha traz como tema os benefícios à saúde.

Por volta das 6h30 desta sexta, ciclistas fizeram um café da manhã na ciclovia da Avenida Vilarinho, na Região de Venda Nova. Lá, foram realizadas várias atividades  de conscientização sobre a prática de pedalar rumo ao trabalho, como palestras e pit stops.  

A mesma ação ocorreu no final da tarde, na Avenida dos Andradas, no Bairro Santa Efigênia, Região Leste da cidade. 

Em São Paulo, além de lanches e conversas, a organização promove a campanha Empresas Amigas da Bike. Por meio de um formulário simples, a companhia submete seu perfil como apoiadora e incentivadora da prática entre seus funcionários. 

“O objetivo é criar um banco de dados das boas práticas oferecidas a fim de mobilizar incentivos fiscais e benefícios para as empresas que estimulem e valorizem a bicicleta e a mobilidade ativa”, explica a empresa, por meio de nota.

De acordo com a Associação dos Ciclistas Urbanos de BH, apenas 8% dos ciclistas são mulheres(foto: Larissa Kümpel)
De acordo com a Associação dos Ciclistas Urbanos de BH, apenas 8% dos ciclistas são mulheres (foto: Larissa Kümpel)


De acordo com a Associação dos Ciclistas Urbanos de BH, em 2018 cerca de 3500 pessoas utilizavam bicicleta como meio de transporte. Apesar do número, apenas 0,4% dos deslocamentos diários são feitos por bicicleta na capital. A ideia é de que esse índice alcance os 2% a partir do ano que vem. 

Para isso, foi criado o Plano de Mobilidade por Bicicleta de Belo Horizonte (PlanBice BH), que prevê obras de infraestrutura na cidade para facilitar o uso do meio de transporte. No entanto, conforme dados do próprio plano, apenas 9% das obras que deveriam ser entregues no segundo semestre de 2019 estão concluídas (seis de 65). 

Além disso, o número de obras ainda não iniciadas é mais de seis vezes maior do que o planejado anteriormente.

Neves à Savassi


André Luiz pedala 60 quilômetros por dia (foto: Larissa Kümpel)
André Luiz pedala 60 quilômetros por dia (foto: Larissa Kümpel)

André Luiz, de 37 anos, pedala diariamente 60 quilômetros para ir de sua casa ao trabalho. Morador do Bairro Flamengo, em Ribeirão das Neves, ele gasta cerca de uma hora e meia até a sede da empresa onde trabalha, na Região da Savassi, em Belo Horizonte.

“Faço isso primeiramente por saúde. O organismo melhora muito, acordo bem disposto, durmo bem e me alimento melhor. Em segundo lugar, por economia, o transporte público está muito ruim. Uso a bike para esporte, trabalho e passeio”, explica. 

Desde outubro do ano passado, quando optou por fazer o traslado via bike, André economiza R$ 20 por dia. Considerando que ele trabalha seis vezes por semana, a economia chega a quase R$ 500 por mês ou R$ 5.760 por ano. 

Além disso, quando compara o tempo que gastava com transporte público na ida ao trabalho, ele conclui que é mais vantajoso ir de bicicleta. “Quando ia de ônibus, gastava mais ou menos duas horas, tinha que pegar dois ônibus e um Move para chegar à Savassi”, conta.

No entanto, nem tudo é maravilha para um ciclista em Belo Horizonte. Conforme relata André, a maior dificuldade que ele encontra é em relação à falta de estrutura na capital. “Você vai andar na ciclovia e tem mais pedestres que bike”, reclama.

* Estagiário sob supervisão da subeditora Ellen Cristie.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade