Edital de Três Corações pede caixão no tamanho 'baleia' e causa polêmica - Gerais - Estado de Minas
Publicidade

Estado de Minas

Edital de Três Corações pede caixão no tamanho 'baleia' e causa polêmica

A prefeitura alegou ter usado termos técnicos quando se referiu ao tamanho, mas se desculpou depois porque seriam antigos


postado em 10/05/2018 07:54 / atualizado em 10/05/2018 09:40


A Prefeitura de Três Corações, no Sul de Minas, começou a receber nesta quarta-feira, propostas de empresas interessadas em fornecer 40 caixões para o município. Mas eles devem ser no tamanho para sepultar "gordo, baleia", termos que constavam em edital e causaram polêmica na cidade.

A prefeitura alegou ter usado termos técnicos quando se referiu ao tamanho, mas se desculpou depois porque seriam antigos. Pessoas que trabalham no setor dizem que hoje as medidas dos caixões são definidas como nas roupas, em formatos G, GG ou Extra G.

Agente funerário explica que as terminologias atualmente são semelhantes às dos tamanhos das roupas, como G e GG(foto: Reprodução/TV Alterosa)
Agente funerário explica que as terminologias atualmente são semelhantes às dos tamanhos das roupas, como G e GG (foto: Reprodução/TV Alterosa)


Trecho do edital pede 40 caixões com a terminologia 'gordo, baleia'(foto: Prefeitura de Três Corações/Divulgação)
Trecho do edital pede 40 caixões com a terminologia 'gordo, baleia' (foto: Prefeitura de Três Corações/Divulgação)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade