Publicidade

Estado de Minas

Queda de poste complica trânsito na Via Expressa de Contagem

Incidente ocorreu na altura do Bairro Cincão, no sentido Betim. Cemig trabalha no local e trabalhos devem ser concluídos no início da noite


postado em 04/04/2018 08:30 / atualizado em 04/04/2018 09:50

A queda de um poste interditou parte da Via Expressa de Contagem, na Grande BH, na manhã desta quarta-feira. Conforme a Cemig, a estrutura caiu após ser atingida por um veículo de carga.

Segundo a Transcon, o incidente ocorreu no sentido Betim, altura do número 3.600, no Bairro Cincão, às 6h. Por volta das 8h, a Transcon informou que o trânsito estava lento até a altura do Viaduto Damas Ribeiro. Técnicos da Cemig já atuavam no local. 

Informações davam conta que o poste teria sido atingido por uma carreta. Por sua vez, conforme a Transcon, o poste teria caído sem colisão, atingindo a carreta e um outro veículo de carga. Ninguém ficou ferido. 
 
Por meio de nota, a Cemig afirmou que a queda do poste foi causada pela colisão de um caminhão, danificando o sistema elétrico. A estrutura já estava danificada por conta de um acidente anterior, mas a companhia elétrica alega que isso não contribuiu para o problema de hoje. A previsão é de que o reparo só seja concluído no início da noite. Leia a nota na íntegra:  

"Nesta manhã (4/4), um caminhão colidiu contra um poste da rede de distribuição de energia, na Via Expressa, em Contagem, e provocou danos ao sistema elétrico.

Equipes da Cemig estão no local para fazer a substituição dos postes e equipamentos danificados, e um trecho da pista está interrompido. Devido à complexidade, a previsão é que o serviço seja concluído apenas no início desta tarde.

Outro acidente havia ocorrido recentemente no mesmo local, e por isso a rede contava com uma estrutura provisória.

A Cemig esclarece que essa estrutura provisória não foi a causa do acidente de hoje. Esse tipo de procedimento é feito em caráter emergencial, para que o fornecimento de energia seja restabelecido com mais rapidez, até que um novo poste seja instalado, e não traz riscos à população nem ao trânsito.

Neste momento, após procedimentos iniciais da Cemig, apenas dois clientes estão sem energia."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade