Publicidade

Estado de Minas

Acidentes em BH deixam um motociclista morto e um ferido

Na Avenida Barão Homem de Melo, onde o condutor de uma moto morreu, testemunhas contaram à Polícia que o homem avançou o sinal


postado em 04/01/2018 11:32 / atualizado em 04/01/2018 12:32

Caminhão saía da Rua Tibiriçá para cruzar a Avenida Barão Homem de Melo. Motociclista furou o sinal de trânsito e foi atingido (foto: Internet/ Whatsapp/ Reprodução )
Caminhão saía da Rua Tibiriçá para cruzar a Avenida Barão Homem de Melo. Motociclista furou o sinal de trânsito e foi atingido (foto: Internet/ Whatsapp/ Reprodução )
Um motociclista morreu e outro ficou ferido em dois acidentes em Belo Horizonte na manhã desta quinta-feira.


O acidente ocorreu no cruzamento da Avenida Barão Homem de Melo com a Rua Tibiriçá. Segundo a PM, testemunhas contaram que o condutor da motocicleta avançou o semáforo da avenida e foi atingido pelo caminhão que iria acessar a avenida. 
 
A BH Madeiras, responsável pelo caminhão, informou que prestará a assistência ao motorista e que um advogado e um representante da empresa vão para a sede do Detran para acompanhar o fechamento da ocorrência. 

O trânsito ficou lento na região e o sentido Bairro-Centro da Avenida Barão Homem de Melo e a Rua Tibiriçá precisaram ter o tráfego de veículos interrompidos. 

 
Avenida do Contorno  


Moto ficou caída no passeio da Contorno e condutor foi socorrido pelo Samu (foto: Jair Amaral: EM/D.A Press)
Moto ficou caída no passeio da Contorno e condutor foi socorrido pelo Samu (foto: Jair Amaral: EM/D.A Press)
Na Avenida do Contorno, na esquina com a Rua Tupinambás, dois motociclistas se envolveram em um acidente e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para prestar socorro a um dos condutores, que ficou inconsciente. 

Segundo a Polícia Militar, as causas do acidente ainda estão em apuração. No local, apenas o motociclista ferido foi encontrado e não se sabe o paradeiro da outra moto envolvida na batida. 

Por causa do acidente o trânsito também ficou lento na avenida com reflexos no Viaduto Oeste.
 
*Sob supervisão do editor Benny Cohen

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade