Publicidade

Estado de Minas Norte de Minas

Anuário aponta redução de crimes em Montes Claros


18/05/2010 19:19

O reforço do policiamento comunitário e o trabalho conjunto entre policias Militar e Civil foram apontados como as principais instrumentos para a redução da crimes em Montes Claros, apontada pelo Anuário de Informações Criminais de Minas Gerais. Em 2009, os homicídios na cidade tiveram uma queda de 35%. Já os crimes violentos diminuíram 35% de 2007 para 2008 e sofreram uma redução de 7,5% entre 2008 e 2009.

As ações que resultaram na queda da criminalidade foram destacadas, nesta terça-feira, pelo coronel regional da Policia Militar, coronel Franklin de Paula Silveira, que apresentou os números do "anuário", juntamente com o delegado regional da policia civil, José Messias Sales. Os crimes contra o patrimônio reduziram 35,6% de 2007 e para 2008 e voltaram a cair ( menos 7,2%) entre 2008 e 2009. Já os homicídios subiram de 2007 para 2008 (11,6% de aumento) e tiveram uma redução de 35,9% de 2008 para 2009. Foram registrados 93 homicídios em 2008 e 63 homicídios no ano passado. No entanto, nos primeiros quatro meses deste ano, as autoridades voltaram a enfrentar o crescimento dos assassinatos na cidade novamente.

Em 2010, já foram registrados 39 homicídios em Montes Claros, a maioria deles relacionada com o tráfico de entorpecentes. A Policia Militar tenta amenizar o problema por intermédio do Programa Educacional de Resistência ás Drogas e à Violência (Proerd), que já atendeu mais de 50 mil crianças e adolescentes no município. Também foi criado o Grupo Integrado de Proteção à Vida (GIPV), fruto de parceria entre a PM, Policia Civil, Ministério Público e Poder Judiciário. O GIPV vem conseguindo identificar os autores e prender os autores de homicídios, fazendo a prevenção contra outros assassinatos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade