Publicidade

Estado de Minas Coleção

Com a cara de Paris

Estilista da marca conta como foi recriado o estilo Balmain


11/10/2020 04:00

Olivier Rousteing
 
(foto: afp/divulgação)
(foto: afp/divulgação)
 

O distanciamento social e a pandemia inspiraram uma apresentação otimista do verão 2021 da Balmain. Ombros marcados, muitos cinzas, brilhos delicados, jeans sustentáveis, anos 70, muitas malhas e conforto deram o tom da coleção mostrada na passarela, onde estiveram presencialmente correspondentes e editores de moda europeus, e virtualmente influenciadores. 
 
(foto: afp/divulgação)
(foto: afp/divulgação)
 
 
Numa carta aberta à imprensa, o diretor criativo da maison, Olivier Rousteing, detalha os fundamentos por trás da apresentação, que resgatou um monograma PB (Pierre Balmain) criado pelo fundador da marca, inspirado pelos labirintos dos jardins renascentistas franceses. Entre as inspirações: herança da marca, o senso de comunidade da moda e o otimismo. “Todos nós aprendemos muito sobre nós mesmos este ano. Ser forçados a nos separar nos ensinou o quanto nós realmente dependemos de estar juntos.” 
 
(foto: afp/divulgação)
(foto: afp/divulgação)
 
 
“E os esforços pós-confinamento no mundo da moda deixaram claro que o design só prospera quando há diálogo constante, troca de ideias e compartilhamento de experiências – e todos nós estamos tentando encontrar novas maneiras de fazer isso acontecer”, declara Rousteing. “Assim como a passarela e os assentos, muitos dos looks desta noite refletem a nossa nova realidade.” 
“Depois de passarmos tantos meses trabalhando em casa, sentados à mesa da cozinha durante as conferências, não é tão surpreendente ver uma silhueta que inclui uma jaqueta feita sob medida, usada com short biker, não é? Além disso, nossa coleção, com sua abundância de malhas, oferece muitos looks confortáveis para o dia. Mas isso continua sendo parte do DNA da Balmain: peças que podem facilmente transitar do dia para a noite”, resume. Confira a íntegra do texto de Olivier a seguir. 
 
(foto: afp/divulgação)
(foto: afp/divulgação)
 
 
“Preparar-se para um desfile nunca foi uma tarefa simples. 
E como você pode imaginar, nesta temporada, as preocupações, limitações e restrições fizeram com que o planejamento desta apresentação fosse ainda mais complicado. Para juntos enfrentarmos essa situação da melhor forma, eu e todo o time Balmain nos certificamos de manter nossos objetivos claros. Desde o início, quando começamos a discutir a apresentação em incontáveis zooms e teleconferências nas longas semanas de nosso confinamento, mantivemos nosso foco em apenas duas verdades básicas: acreditamos que a moda é melhor vivenciada quando apresentada ao vivo. 
Sabemos que uma experiência compartilhada é crucial para nossa comunidade. Claro que as novas realidades e restrições de hoje dificultam um pouco nossos princípios, mas tanto em francês quanto em inglês, compartilhamos uma frase muito usada: ‘La nécessité est la mère de l'invention’ (‘A necessidade é a mãe da invenção’) – e nosso planejamento para este aguardado momento provou que clichês como a frase acima, às vezes, podem realmente ser verdade. Projetamos o desfile da Balmain desta noite como uma apresentação em várias partes, concentrando-se em três temas essenciais para a maison: herança, comunidade e otimismo. 
 
(foto: afp/divulgação)
(foto: afp/divulgação)
 
 
Em suas memórias, Pierre Balmain destaca uma verdade importante: encontrar inspiração no passado é muito importante, mas um designer de moda nunca deve tentar simplesmente duplicar uma criação vintage. Em vez disso, para enfatiza monsieur Balmain, devemos garantir que tudo que já foi visto nas décadas anteriores seja adaptado e atualizado, refletindo as necessidades e gostos da geração atual. 
 
(foto: afp/divulgação)
(foto: afp/divulgação)
 
 
E é isso que minha equipe e eu sempre buscamos fazer, temporada após temporada, tendo em mãos o incrível legado de 75 anos desta maison. Por exemplo, recentemente, atualizamos e reintroduzimos o monograma PB de monsieur Balmain, que foi originalmente inspirado por seu fascínio pelos labirintos dos jardins da Renascença francesa. Nossos arquivos estão cheios de roupas incríveis, acessórios e peças de alta-costura do início dos anos 70, que Pierre Balmain cobria com variações deste monograma. 
 
(foto: afp/divulgação)
(foto: afp/divulgação)
 
 
Atualizando esses designs icônicos para o estilo de vida de hoje e trazendo um pouco do meu amor por designs gráficos em preto e branco, me pareceu o momento certo para trazê-lo novamente para um lugar de destaque, especialmente no momento em que estamos nos preparando para abrir nossa nova boutique na Madison Avenue, a apenas alguns quarteirões do local onde monsieur Balmain apresentou pela primeira vez seu monograma PB, há 50 anos. Nesta noite, para enaltecer a facilidade com que as criações de Pierre Balmain podem ser adaptadas ao nosso tempo, minha equipe e eu escolhemos nos arquivos da grife seis designs de meados do século passado, atualizando-os e cobrindo-os com nosso labirinto PB revisitado. E, para esta apresentação especial, inspirado pelos showrooms da maison, e coreografados com a ajuda do talentoso Olivier Saillard, reunimos algumas das belas modelos que passaram pelos salões e desfiles parisienses, deixando seu brilho e sua marca.
 
(foto: afp/divulgação)
(foto: afp/divulgação)
 
 
Hoje, Amália, Axelle, Bárbara, Charlotte, Sônia e Violeta nos ajudam a mostrar a força duradoura da visão singular de monsieur Balmain. Todos nós aprendemos muito sobre nós mesmos este ano. Ser forçados a nos separar nos ensinou o quanto nós realmente dependemos de estar juntos. 
E os esforços pós-confinamento no mundo da moda deixaram claro que o design só prospera quando há diálogo constante, troca de ideias e compartilhamento de experiências – e todos nós estamos tentando encontrar novas maneiras de fazer isso acontecer. Claro, estamos tristes, pois muitos de nossos amigos, parceiros e colegas não estiveram em Paris conosco. E como fizemos durante o lockdown, mais uma vez recorremos à tecnologia para tentar unir quem está longe. Mal podemos esperar para ter todos vocês com a gente em Paris novamente! A mensagem final desta noite é de confiança inabalável de que teremos dias melhores à frente. 
 
Esta maison, como costumo repetir, tem otimismo e audácia embutidos em seu DNA. Nunca esquecemos que, 75 anos atrás, Pierre Balmain estava disposto a fazer uma aposta ousada – depois de anos de guerra, ocupação e sofrimento, ele estava pronto para partir e encontrar ‘seu lugar’ na moda, durante um período instável de escassez, interrupções e preocupações, imediatamente após a libertação da França. Ele era jovem, ousado e certo de que dias melhores viriam. E sua energia, audácia e otimismo ajudaram a garantir que esta maison fosse uma das forças que ajudaram a restaurar Paris à sua posição como a capital mundial da moda. 
 
O incrível poder da solidariedade, da compaixão e da persistência de 2020 é que nos garante que podemos e vamos passar por este momento e sair mais fortes. Talvez meu otimismo seja um reflexo de minha própria história pessoal – afinal, não há muito tempo atrás, alguém como eu jamais conseguiria alcançar o cargo que ocupo hoje. A mudança acontece. Os avanços podem exigir engajamento determinado, mas o progresso é sempre possível. E quando superarmos isso e estivermos mais uma vez unidos, espero que possamos nos lembrar do que tivemos que passar para chegar lá – e nunca nos esqueçamos de como é importante estar juntos. Assim como a passarela e os assentos, muitos dos looks desta noite refletem a nossa nova realidade. 
 
Depois de passarmos tantos meses trabalhando em casa, sentados à mesa da cozinha durante as conferências, não é tão surpreendente ver uma silhueta que inclui uma jaqueta feita sob medida, usada com short biker, não é? Além disso, nossa coleção, com sua abundância de malhas, oferece muitos looks confortáveis para o dia. Mas isso continua sendo parte do DNA da Balmain: peças que podem facilmente transitar do dia para a noite. 
 
A alfaiataria e a expertise de nosso ateliê são facilmente notadas em ombros marcados, em jaquetas alongadas e calças flare compridas e justas. No geral, o espírito é intergeracional e multicultural, como a mistura de silhuetas fortes de homens e mulheres, tons fluorescentes vivos e tratamentos diferentes de nosso denim sustentável, lembram uma Saint Germain dos anos 70 e um Brooklyn dos anos 90. 
 
As lentes polarizadas de nosso último Balmain Eyewear by Akoni refletem os tons brilhantes da estação e canalizam uma vibração pop distinta. Finalmente, tenho que parabenizar o incrível trabalho de nossos artesãos, que já bordaram quase 2 milhões de maravilhosos cristais Swarovski (muitos deles reciclados) nos impressionantes looks desfilados. 
 
Em particular, você notará que muitas das diferentes interpretações de nosso monograma de labirinto PB aparecem feitos de cristais – praticamente uma homenagem à herança da marca, já que minha equipe e eu sabíamos do uso magistral de cristais Swarovski por Pierre Balmain em algumas de suas criações mais impressionantes.” 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade