Publicidade

Estado de Minas

briefing


postado em 02/02/2020 04:00


(foto: reprodução)
(foto: reprodução)
 
KOBE NA LOGO DA NBA
Os fãs de Kobe Bryant, ex-astro do Los Angeles Lakers Kobe Bryant que morreu em acidente de helicóptero no dia 26 de janeiro, juntamente com oito pessoas, cobram da direção da NBA a silhueta do jogador como símbolo da liga. A identidade visual da liga foi criada por Alan Siegel, CEO da agência Siegelvision, em 1971. Nas últimas quatro décadas, a logo sofreu apenas pequenas alterações na fonte, tornando-se mundialmente conhecida. Mais de dois milhões de assinaturas online já haviam sido coletadas, inclusive com alguns fãs sugerindo mudanças no design. Atualmente, quem ilustra a logo da NBA é o também ex-Lakers Jerry West, jogador que atuou pela franquia durante os anos 1960 e 1970.

CARNAVAL COM ROCK
Foi-se o tempo em que as marchinhas embalavam e imperavam absolutas no Carnaval. Nos tempos de hoje, o vale tudo do carnaval inclui gastronomia, cervejas e o bom e velho Rock N'Roll. Pelo menos é o que promete o Festival Aprecie, que preparou uma edição super especial do pré-carnaval diferente, bem-humorada misturando clássicos do rock nacional, internacional e do samba. A festa é para toda a família, no próximo sábado, das 12 às 21h, incluindo o evento PET Friendly, tudo em espaço 100% coberto no estacionamento do Shopping Contagem. O ingresso é gratuito, mediante a doação de 1 kg de alimento não perecível, a ser entregue na entrada do evento. A reserva do ingresso pode ser feita no link http://bit.ly/carnaAprecie. 

FUGA DA CHINA
O surto de coronavírus na China tem colocado uma série de marcas em estado de alerta e afetado outras diretamente. Autoridades chinesas anunciaram que a crise está afetando particularmente as indústrias de varejo, viagens e turismo. A cidade de Wuham, onde apareceram os primeiros casos, está sob quarentena, o que está impactando marcas locais e multinacionais. A Starbucks, por exemplo, está fechando lojas e suspendendo os serviços de entrega na cidade de Wuhan, epicentro do surto e na província de Hubei. KFC e Pizza Hut também estão fechados na cidade de Wuhan até novo aviso. Controladora das duas empresas, a Yum China diz que continuará avaliando a necessidade de "ações adicionais". 

DEBANDADA GERAL
Outras grandes marcas seguem o mesmo caminho. O McDonald's fechou restaurantes em Wuhan e em quatro cidades em Hubei. A Disney fechou seus parques em Xangai e Hong Kong. Já AA General Motors, Nissan, Renault, Honda e Peugeot, que têm unidades em Wuhan. A GM aconselhou funcionários que não estão se sentindo bem a não irem ao trabalho. O prejuízo também será grande no setor de turismo. De acordo com a BBC, a estimativa era de que 400 milhões de chineses viajassem durante o Ano Novo Lunar, que começou dia 24. O período é um dos que os consumidores gastam mais em viagens, entretenimento e presentes, tornando uma época estratégica para companhias aéreas, hotéis e atrações turísticas.

TV ABERTA LIDERA 
A TV aberta continua liderando os investimentos em mídia no país. O levantamento realizado pelo Conselho Executivo das Normas Padrão (Cenp), nos três primeiros trimestres de 2019 (janeiro a setembro), apontam R$ 12,5 bilhões de investimento, sendo 53% do bolo publicitário direcionados para a TV aberta. Em segundo no faturamento, aparece o meio digital, com 20,7% das verbas, e na terceira colocação a mídia out of home, com 10,7% de participação. A TV por assinatura, com 7%; rádio (4,6%), jornais (2,7%), revistas (1%) e cinema (0,4%) completam a lista. O painal do Cenp é composto por dados do investimento em mídia de 226 agências. O levantamento do último trimestre ainda não foi divulgado.

"RESPEITA MEU NOME"
Ações em defesa da diversidade sempre rendem bons frutos para as marcas. Por isso, o Google aproveitou vem o Dia Nacional da Visibilidade Trans, comemorado na quarta-feira, para lançar a campanha #ConviverTransforma - Respeita Meu Nome. O objetivo é chamar a atenção para o direito dos trans e travestis usarem o nome com o qual se identifica. A peça usa pessoas reais que apresentam seus nomes em meio ao poema, que contam suas histórias para dar mais contexto sobre questões ligadas ao tema. Veja o filme da campanha em https://youtu.be/lHneawOubVs

n INTERFACE: NOVOS CLIENTES 
A Interface Comunicação Empresarial, fundada em 1993, iniciou 2020 com a conquista de dois novos clientes. Neste mês, a empresa passou a atender a Amig (Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil) e a Univale (Universidade Vale do Rio Doce). Com atuação nacional, a Interface Comunicação completou, em 2019, 26 anos de experiência no segmento de comunicação corporativa. Entre os clientes, a agência mantém grandes empresas e parcerias duradouras, algumas há mais de duas décadas. 

EXPECTATIVA POSITIVA 
"Nosso objetivo é dar continuidade ao trabalho desenvolvido ao longo desses 26 anos de mercado, sempre nos aperfeiçoando para prestar um atendimento de excelência aos nossos clientes. Acreditamos na boa comunicação para construir pontes sólidas entre as empresas e os públicos estratégicos", afirma o CEO da Interface, José Renato Lara José Renato Lara, que aposta no aquecimento o mercado em 2020. "Depois de um ano desafiador, acreditamos na retomada da economia e devemos ter um crescimento sustentável em 2020", prevê.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade