Publicidade

Estado de Minas VIDA INTEGRAL

Resgate

É na primeira infância que devemos depositar nossas esperanças


postado em 19/01/2020 04:00


 
A publicitária e artista plástica Yara Grottera ficou muito tempo com sua criatividade “engavetada”, enquanto atuava no mercado de trabalho corporativo. Agora, resolveu publicar seu livro intitulado Philip, escrito em 1982.
 
A literatura infantojuvenil se mostra mais atual do que nunca, despertando a atenção de crianças e adultos por retratar a busca do homem pela felicidade e a liberdade de expressão do corpo e da alma contra qualquer tipo de preconceito.
 
O resgate do texto original, e a edição do livro, foi da Associação Viva e Deixe Viver (Viva), organização não governamental que congrega mais de mil voluntários responsáveis por contar histórias em 91 hospitais do país. Segundo Valdir Cimino, presidente da ONG, o texto faz refletir e gera algumas conversas sobre diversidade, bullying, acolhimento, humanização do ser, sobre as ideias voluntárias e que com constância e perseverança teremos momentos felizes nesta vida.
 
Yara sempre colaborou com a ONG, desde os primeiros passos da associação, criando o posicionamento de ação dos voluntários contadores de histórias. Para ela, o importante é levar o sorriso de hoje por mais hojes que pudermos.
 
A autora sempre compactuou com a importância da educação para entender o valor da promoção de nossa cultura. Educação não ocorre somente na escola, mas em qualquer âmbito, os efeitos são milagrosos. Yara foi uma das primeiras a ajudar na criação da missão, visão e valores da Associação Viva e Deixe Viver. Ela sempre ressaltou que no exercício de cidadania em hospitais, onde a leitura e o brincar se misturam com dor, sofrimento e alegria, há de se manter a criatividade e a imaginação de uma criança de 5 anos. É na primeira infância que devemos depositar nossas esperanças.
 
O livro desperta no leitor a reflexão sobre temas importantes, como vida e morte, sofrimento, liberdade e amor.
 
contatos
 
Previsões -  Início do ano é a época ideal para agendar consultas e terapias de previsão para o ano de 2020. A terapeuta holística Rose Ferraz está com agenda aberta para tarô, cristais e radiônicas. Informações e inscrições: (31) 98757-6292. 
 
Palestras e cursos gratuitos – O IIPC-BH abriu inscrições. De 20 a 31, às 14h, CIP – Curso Intensivo de Projeciologia. Dia 22, às 15h, palestra “O profissional e o esgotamento energético (Burnout)”, quando falarão de sustentação energética e motivação, vivência do trinômio automotivação-trabalho-lazer, como manter o equilíbrio no ambiente de trabalho. Dia 25, às 16h, palestra “Superando a insatisfação íntima”, abordando as causas da insatisfação pessoal, melancolia antes e depois da morte biológica, perseverança na realização das metas evolutivas, retomada da programação existencial. Dia 29, às 15h, palestra “Evolução frente as futilidades sociais”, abordando questões sobre discernimento e idiotismos culturais, culto das inutilidades, sacrifícios inúteis, projeção consciente e as responsabilidades evolutivas. Local: Rua Piauí, 361 – 7º andar, Santa Efigênia. Informações e inscrições: (31) 3222-0056 ou pelo e-mail belohorizonte@iipc.org

Barra de Access – Já pensou em projetar diferentes possibilidades para 2020? Torne-se um praticante ou um facilitador de Barras de Access. Curso com manual do facilitador, certificado, mapa com os pontos a serem tocados na cabeça, duas sessões de Barras durante o treinamento. Facilitadora: Alcéa Romano. Inscrições abertas. É possível agendar o curso na sua cidade. Informações e inscrições: (31) 99971-6552, alcearomano@gmail.com, ou pelo site www.accessconsciousness.com 


Publicidade