Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

anna aos Domingos


postado em 09/06/2019 04:11

Victória, filha de Vírginia Matos e Rodrigo Menezes, e o irmão Arthur(foto: fotos:mariel pelli/divulgação)
Victória, filha de Vírginia Matos e Rodrigo Menezes, e o irmão Arthur (foto: fotos:mariel pelli/divulgação)

 

 

VIcTÓRIA
debutante do ano

O sonho de Victoria Menezes, filha de Vírginia Matos de Menezes e de Rodrigo Menezes, tornou-se realidade em 25 de maio no Buffet Catharina. Inspirada pela delicadeza dos traços e do temperamento da aniversariante, a decoradora projetou um ambiente clássico, moderno e muito sofisticado para o Salão Nobre do Buffet Catharina. No salão, que tem diversos lustres de cristais, foram usados móveis e adornos preto e prata, arranjos com belíssimas tulipas e orquídeas rosa e lilás. A mesa de doces estava deslumbrantes decorada com cascata de hortênsias em meio a seis cilindros de cristal. O resultado ficou belíssimo, digno de qualquer conto de fadas. Victória usou dois vestidos principescos de Giuliano Oliva, em tons rosa, e emocionou os convidados ao valsar com seu pai, Rodrigo. O diferencial foi a participação da mãe, Virgínia, que dançou uma valsa com o irmão gêmeo de Victoria: Arthur. É claro que o bufê foi caprichadíssimo, recomendação da vovó Catharina. Teve ponto de frutos do mar finalizados ao vivo, ponto gastronômico com queijos variados, saladas e carnes nobres. No jantar com salmão assado com aspargos frescos, filé mignon com cogumelos e fettucini a gran formaggio, brigadeiria, fondue de frutas com chocolate, merengueria e finalizando com uma mesa de doces impecável. Vários pratos novos foram criados por Cristiane, a chef
que é tia e madrinha da aniversariante e que acabou de voltar de São Paulo, onde fez um curso pelo Le Cordon Bleu.
A cerimonialista Simone Barros, da Up Cerimonial, ajudou na escolha dos parceiros da noite do evento, como o DJ Léo Bacha , o Sou Ibope para a filmagem, e a fotógrafa Mariel Pelli. A elogiada decoração foi da Andrea, da Celebrar, e vários outros. A animação da pista ficou por conta do Leo Bacha, o DJ mais queridinho da moçada, e às 2h começou o show do Kin, com seu baile funk para agradar a juventude. A Camarero entrou na pista com robôs de LED fazendo a maior farra com os jovens. A festa terminou depois das 6h, com o raiar do sol..

CRAQUE
na cerveja

Gustavo Zuquim, filho de Guta Zuquim, da Quality Decorações, foi longe fazer carreira com cerveja. Está trabalhando em
San Diego, nos Estados Unidos, na fábrica de cerveja e Kombucha Novo Brazil. Ele é o CFO de lá. E durante a realização da Brazil Conference, em Boston, ele apresentou para o todo-poderoso Jorge Lemann as cerveja fabricadas no Novo Brazil.

 

POR AÍ....

l No seu tour anual pela Europa, Francisco Santoro foi conhecer as belezas da Croácia e regiões dos Bálcãs. Merecido descanso da temporada de inverno e preparação para os lançamentos de verão, no atacado, que acontecem em julho e agosto.

l Na onda das feiras & bazares que acontecem pela cidade, a Benquisto vai ao ar neste fim-de-semana, no Minascasa. Destaque ali, são os trabalhos da ‘Asas da Terra’ e seus objetos feitos em madeira & fotos com temas ícones de BH e mineiridades. À frente das criações, as irmãs Cláudia e Mariângela Chiari. Herdaram o DNA para o artesanato dos seus avós italianos.

l Depois do lançamento de vinhos alentejanos na semana passada, o Museu Abilio Barreto, ontem, foi cenário da
tradicional festa portuguesa, realizada aqui anualmente.
O encontro aconteceu nos jardins e gramados, com o frio estimulando os sabores da terrinha.

l Rodrigo Ferraz teve o chef Ivan Prado (que é do Ceará) como convidado no ‘Albanos Lourdes’ para falar sobre histórias e comidas das festas juninas – que revelou conexões entre os quitutes nordestinos e mineiros servidos nas quadrilhas e fogueiras. Ele também lançou o quinto volume do seu livro “Fartura – Expedição Brasil Gastronômico, escrito com o Rusty Marcelino. Foram 75 mil quilômetros percorridos para as pesquisas.

 

VILELAS
in concert

Saul Vilela e seus filhos Daniel, Joana e Marco estão juntos na exposição Vilelas em concert, na P.S. Galeria, de Maria Miriam Arruda e Patrícia Salvador, apresentando seus trabalhos em pintura, escultura e moda. O coquetel de inauguração foi ontem, mas a mostra será aberta ao público a partir de amanhã, no horário comercial. A novidade é que esta será a despedida de Saul Vilela, cuja carreira teve início no final da década de 1970, do circuito das exposições. Ele está passando o bastão para a prole, que herdou sua  veia artística.

 

QUEIMADURAS
em discussão

O cirurgião plástico do Hospital Madre Teresa e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) Pedro Nery Bersan participou da 11ª Jornada Brasileira da Sociedade Brasileira de Queimaduras”, de 30 de maio a 1º de junho, na Associação Médica de Minas Gerais (AMMG), na capital. Ele foi responsável por aulas no congresso, sendo a primeira sobre retalho na reconstrução de membro superior, e sobre atendimento do grande queimado, discutindo sobre os procedimentos cirúrgicos fasciotomias e escarotomias para tratamento das queimaduras.

FROMAGE
sabor reconhecido

Se alguém ainda duvidava da excelência dos queijos mineiros, a volumosa premiação que  receberam, agora, em concurso mundial na cidade francesa de Tours, dissipou a incredulidade até dos mais céticos. Só para se ter uma ideia, das 56 medalhas oferecidas, 50 ficaram com produtores mineiros – com destaque para os queijos da Serra da Canastra, com três delas na categoria ‘superouro’. E muitas medalhas de ouro, prata e bronze. O concurso teve quase mil participantes de 20 países. É o novo diamante reluzente em nossas montanhas, caso a burocracia não trave sua exportação.

TEMPERO
menu salgado

Um fenômeno mundial está afligindo as grandes marcas de moda – e não tem nada a ver com estilo, acusações de trabalho escravo ou e-commerce em ascensão. O fato é que, nas grandes cidades do planeta, os restaurantes estrelados  com endereços bem localizados estão se tomando os espaços das marcas de prestígio  – pela simples disputa de preços. A especulação subiu os preços, mas as roupas não vendem o suficiente para pagá-los. Já os chefs estrelados conseguem preços inimagináveis por um jantar assinado. O Oriente (China e Malásia, à frente) lidera essa corrida entre agulhas e talheres de prata.

BARONESA
liturgia comemorativa

A capela interna do Sobrado da Baronesa foi cenário da liturgia comemorativa dos 140 anos de morte da nobre que chegou a Santa Luzia na primeira metade do século 19. Ela também foi a grande benemérita da cidade, criando, entre outras coisas, o Hospital de São João de Deus, existente até hoje. Na ocasião, foi lançado um livro sobre a vida dos barões, de autoria de Adalberto Andrade Mateus e Marcos Paulo de Souza Miranda. A cerimônia religiosa foi celebrada pelo padre Felipe Lemos, que fez uma homilia sobre a preservação cultural elogiada por todos os presentes. Ao final, houve as tradicionais comemorações em torno das mesas – com os tradicionais canudinhos e balas delícia feitos na cidade.

FRIO
ondas salvadoras

O frio que chegou (com força) à cidade nos últimos dias, trouxe também um pouco de alívio para o varejo de roupas – com estoques preparados, porém, até agora paradas nas araras. Dizem que o corre-corre para comprar roupa nova e mais quentinha deu pra sentir que as coisas vão melhorar. Mas os meteorologistas avisam: no inverno deste ano existirão ondas de frio, mas não o tempo todo. A culpa seria de uma zona quente no Pacífico, influência do El Nino.


Publicidade