Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

briefing


postado em 27/01/2019 05:08

FINAL SEM MACONHA
Dizem que na economia norte-americana o importante é faturar. Mas nem tanto. Pelo menos no Super Bowl, evento que tem o valor comercial mais caro do mundo. A filosofia do capitalismo predador não prevaleceu na tentativa da empresa Acreage Holdings, que atua no cultivo, processamento e distribuição de maconha para uso medicinal. A empresa queria comprar 60 segundos na final entre New England Patriots e Los Angeles Rams, marcada para o próximo dia 3 de fevereiro. A informação do USA Today assegura que a CBS, emissora que detém os direitos de transmissão, vetou o anúncio sob alegação de que falar de maconha estaria fora de seus padrões.

MENSAGEM MEDICINAL
Com o veto, a CBS, estaria abrindo mão de algo em torno de
US$ 10,4 milhões do anúncio da Acreage Holdings. No comercial de 60 segundos, a Acreage mostraria três pessoas que sofrem de problemas de saúde variados que contam como o uso da maconha medicinal melhorou suas respectivas qualidades de vida. Nos Estados Unidos, 30 dos 50 Estados americanos e também o Distrito de Columbia permitem diferentes
formas de uso da maconha.

NATURA SUSTENTÁVEL
O ranking da Corporate Knights, que lista as companhias globais com as melhores práticas do mercado, a Natura aparece como a única brasileira entre as 100 melhores, como a 15ª empresa mais sustentável do mundo em seu setor. É a décima vez consecutiva que a empresa brasileira aparece na lista. O ranking foi apresentado durante o Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. As empresas concorreram entre 7,5 mil companhias analisadas em 21 países de diferentes setores da indústria. Foram avaliados indicadores relacionados à energia, emissões de carbono, consumo de água, resíduos sólidos, capacidade de inovação, salários, segurança do trabalho, percentual de mulheres na gestão, entre outros. Apenas quatro empresas brasileiras estão nesta lista: Natura, Banco do Brasil, CEMIG e ENGIE Brasil Energia.

AMAZON IMPERA
Já o relatório da Brand Finance, também divulgado no Fórum Econômico Mundial, em Davos, aponta a Amazon como a marca mais valiosa do planeta. A empresa registrou crescimento de 24,6% em relação a 2018, agora com valor de marca de US$187,9 bilhões. O relatório anual, que lista as 500 marcas mais valiosas do mundo, é o mais respeitado do mundo, servindo de referência para investidores, empresas e empresários para definir estratégias e ações. O top 10 é dominado por marcas dos Estados Unidos e do setor de tecnologia: Microsoft, Apple, Facebook e Google estão no topo da lista. Fora os EUA, há três asiáticos: a sul-coreana Samsung e os bancos chineses ICBC (Banco Industrial e Comercial da China) e o China Construction Bank.

NO BRASIL
Cinco marcas brasileiras aparecem entre as 500 melhores, sendo quatro bancos e uma do setor de energia: Itaú (posição 297), Bradesco (338); Petrobras (436); Banco do Brasil (447); Caixa Econômica (490). Com exceção da Caixa, estreante no top 500, as outras quatro marcas perderam muitas posições, devido ao enfraquecimento econômico do país nos últimos três anos.

ATRAÇÕES DE FÉRIAS
As férias já estão quase chegando ao fim, mas ainda dá tempo de aproveitar muitas opções de entretenimento com as crianças. Uma ótima pedida são as peças teatrais que estão em cartaz nos principais shoppings da cidade. O Boulevard Shopping, por exemplo, recebe hoje o espetáculo "Sítio do Pica-Pau Amarelo". A peça começa a partir das 15h, ao lado da loja Artex, no piso 3. A apresentação encerra o Festival de Teatro Infantil Boulevard, que aconteceu durante todos os domingos do mês de janeiro no empreendimento.

BH NO GELO
Pioneiro ao trazer para capital mineira a pista de patinação no gelo, há 37 anos o BH Shopping promove um de seus eventos de maior sucesso na temporada de férias de janeiro: BH On Ice. No ano em que comemora 40 anos, o shopping mantém sua pista aberta até 24 de março. São 380 metros quadrados, no estacionamento do Piso Ouro Preto, preparados para receber até 70 pares de patins ao mesmo tempo. No ano passado, mais de 20 mil pessoas se aventuraram na pista.

NESTLÉ
A Nestlé comemora 98 anos de presença no Brasil com diversas ações de relacionamento com seus consumidores. Entre elas está a campanha que relembra fatos marcantes, embalagens e comerciais antigos, além de curiosidades da empresa. A campanha conta, por exemplo, que "Leite Moça" era o apelido dado pelos consumidores ao leite condensado Milkmaid, mas que acabou virando o nome oficial do produto no país. Também mostra a curiosidade do nome Nescau, a primeira marca criada e produzida no Brasil, formado pela junção de Nestlé com Cacau. No site da empresa será contada a história dos 98 anos com as receitas que marcaram décadas, começando em 1920. Será uma receita por década, mas cada uma direcionando a uma foodlist com outros "ícones" do mesmo período. As receitas serão publicadas
no link ttp://www.receitasnestle.com.br/foodlist/aniversario-nestle.

SENAC
De 29 a 31 de janeiro, das 18h30 às 22h30, o Senac oferece Minicurso Empreendendo em Mídias Sociais. das 18h30 às 22h30. O evento será no Núcleo de Pós-Graduação do Senac (Rua Guajajaras, 40 - 16º andar), À frente do curso está o produtor multimídia Magno Martins, pós-graduado em Gestão Empreendedora em Marketing Digital. Ele atua no mercado digital desde 2007 e já trabalhou em grandes empresas como Sebrae-MG e BHS - Belo Horizonte Sistemas, além de atuar como digital planner no Cinemascope desde 2012. As vagas
são limitadas. Informações: 0800 724 4440.

CONDENAÇÃO CONFIRMADA
A Bauducco foi condenada a pagar multa por publicidade infantil abusiva em ação do Procon-SP contra a campanha "É Hora de Shrek". A decisão reforça entendimento sobre ilegalidade da publicidade infantil para promover a venda casada de alimentos com brinquedos. A justiça paulista manteve multa de R$ 105 mil aplicada em 2008 pela Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor do Estado de São Paulo (Procon-SP) à empresa Pandurata Alimentos Ltda, detentora da marca Bauducco. Na sentença, a juíza Cynthia Thomé, da 6ª Vara de Fazenda Pública, reconhece a abusividade do direcionamento de publicidade ao público infantil na campanha.

DE LATA NOVA
A Ball Embalagens para Bebidas América do Sul, maior fabricante de latas de alumínio do mundo, é a responsável pelo desenvolvimento do modelo X-Sleek 410ml, formato inovador de lata, diferente de todos os padrões já existentes no mercado mundial. A novidade foi elaborada com exclusividade para a cerveja Colorado, que passou recentemente a ser comercializada também em latas de alumínio. O novo modelo comporta volume de 410ml. A inovação conta ainda com revestimento especial em HD (impressão High Definition) e aplicação de verniz fosco em seu rótulo, para atender à expectativa de um produto premium. A nova embalagem - inédita no mundo - se junta ao portfólio da Ball como o oitavo formato de lata que a empresa possui em seu portfólio na América do Sul.


Publicidade