Publicidade

Estado de Minas

Governador do Rio de Janeiro decreta luto por três dias no estado pela morte de Niemeyer

Oscar Niemeyer morreu nesta quarta-feira, às 21h55, no Hospital Samaritano, em Botafogo, na Zona Sul do Rio de Janeiro


postado em 05/12/2012 23:01 / atualizado em 06/12/2012 00:08

(foto: Ângelo Antonio / Parceiro / Agên )
(foto: Ângelo Antonio / Parceiro / Agên )
Em nota, o governador Sérgio Cabral lamentou a morte do arquiteto Oscar Niemeyer e decretou luto oficial de três dias no estado. O governador disse que "Niemeyer foi o maior arquiteto do Brasil. Um gênio da arquitetura mundial. Doce no trato, firme nas suas convicções e amado pelo povo brasileiro".

Veja o especial sobre a vida e as obras de Niemeyer

Oscar Niemeyer morreu nesta quarta-feira, às 21h55, no Hospital Samaritano, em Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro, onde estava internado desde o dia 2 de novembro, vítima de complicações renais e desidratação.

O quadro de saúde do arquiteto piorou nas últimas horas, e o boletim médico assinado esta tarde pelo médico intensivista Fernando Gjorup indicava piora "no estado clínico do arquiteto" .

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade