Publicidade

Estado de Minas

Programa disponibiliza bolsas de trabalho na Alemanha para jornalistas do Brasil

Podem participar profissionais com idade entre 25 e 38 anos


postado em 13/09/2019 13:03

Programa disponibiliza bolsas de trabalho na Alemanha para jornalistas do Brasil(foto: Educa Mais Brasil)
Programa disponibiliza bolsas de trabalho na Alemanha para jornalistas do Brasil (foto: Educa Mais Brasil)

Até a próxima segunda-feira (16), jornalistas com idade entre 25 e 38 anos podem se candidatar a uma das bolsas de trabalho do Internationale Journalisten-Programme (IJP). Os selecionados receberão uma bolsa de 3.600 euros e ficarão dois meses trabalhando em um veículo de comunicação na Alemanha como redatores-visitantes. 


A organização, no entanto, explica que o objetivo principal do programa é que os jornalistas atuem também como correspondentes temporários para suas redações brasileiras. Por isso, um dos critérios para participar da seleção é que os jornalistas já atuem profissionalmente no Brasil de modo integral ou como colaboradores em jornal, revista, televisão, rádio ou veículo online. 


Além disso, a organização informa que é necessário ter bom conhecimento da língua alemã mas que, em casos excepcionais, a fluência em outros idiomas como inglês e espanhol podem ser suficientes (é importante que o candidato tenha como certificar a proficiência nas línguas citadas). Mais informações podem ser encontradas diretamente no site do IJP ou consultando o edital em PDF.


Com o intuito de promover o intercâmbio de ideias entre a Alemanha e outros países, o Internationale Journalisten-Programme (IJP), ou Programas Internacionais para Jornalistas em português, foi fundado em 1981 por jornalistas alemães. O IJP é uma organização sem fins lucrativos, com membros que atuam de forma voluntária. A bolsa de trabalho é oferecida para jornalistas da América Latina desde 1997.
Participam como veículos parceiros na Alemanha: Deutsche Welle, dpa, EFE, Berliner Zeitung, Der Freitag, Handelsblatt, taz, Tagesspiegel, Süddeutsche Zeitung, Die WELT e ZDF.


Como participar


Até o dia 16 de setembro, os profissionais interessados devem enviar um email com as candidaturas para o setor de imprensa da Embaixada da Alemanha em Brasília ou ao Consulado da Alemanha mais próximo do local onde o candidato reside (São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre ou Recife). 


Antes de enviar a documentação é necessário que os candidatos confirmem os contatos dos consulados, tendo em vista que eles podem mudar com o passar do tempo. As candidaturas incompletas serão automaticamente descartadas.


Na inscrição deve ser incluído em um só arquivo em formato PDF os seguintes documentos:


- Currículo de preferência em alemão. A organização solicita que o candidato ateste as competências profissionais exigidas, anexando diplomas e certificados, por exemplo.


- Uma carta também de preferência em alemão, mas, caso não seja possível, escrever em inglês explicando três pontos: motivo pelo qual deseja participar do programa, interesse na Alemanha e em qual veículo quer ser atribuído (todos devem ser sediados em Berlim).


- Três cópias de produções autorais. Se o jornalista for de rádio ou televisão, é possível anexar links direcionando para o conteúdo.


- Carta (em português) de recomendação do redator-chefe do veículo em que o jornalista trabalha. No texto deve conter a descrição da capacidade profissional do jornalista, além da autorização de que o jornalista possa participar do programa.


- Três ideias de pautas possíveis de serem realizadas na Alemanha. Não é necessário que o assunto seja atual.

Bolsa de estudo para jornalismo Educa Mais Brasil 2020


Gostaria de aproveitar essa oportunidade do IJP, mas ainda não possui graduação em Jornalismo? Outra instituição, dessa vez aqui no Brasil, oferece bolsas de estudo para esse curso e muitos outros nas categorias educação básica e superior. 


Com as ofertas do Educa Mais Brasil 2020, você pode conquistar até 70% de desconto em instituições privadas de todo o Brasil. O processo é simples e, após a conclusão do curso, não há cobranças de taxas extras. Basta acessar o site Educa Mais 2020, localizar as ofertas de bolsas para a sua região e clicar em "quero esta bolsa".



Publicidade