Publicidade

Estado de Minas

Polícia vai fazer buscas em sítio onde primo de Bruno diz estar corpo de Eliza Samudio

Jorge Rosa Sales prestou depoimento e deu detalhes sobre o possível local onde estariam enterrados os restos mortais da ex-amante do goleiro Bruno


postado em 24/07/2014 21:33 / atualizado em 25/07/2014 13:57

Jorge foi ouvido por cerca de três horas. O depoimento agradou o delegado Wagner Pinto(foto: Beto Magalhaes/EM/D.A Press)
Jorge foi ouvido por cerca de três horas. O depoimento agradou o delegado Wagner Pinto (foto: Beto Magalhaes/EM/D.A Press)

O primo do goleiro Bruno Fernandes deixou o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Bairro Lagoinha, Região Noroeste de Belo Horizonte, na noite desta quinta-feira, depois de prestar depoimento ao delegado Wagner Pinto. Jorge Rosa Sales deu detalhes sobre o possível local onde estariam enterrados os restos mortais de Eliza Samudio. O terreno está localizado em Vespasiano, na Grande BH. A Polícia Civil informou que irá fazer escavações no sítio indicado nesta sexta-feira.

As novas pistas sobre o suposto local onde o corpo da ex-amante de Bruno está foram dadas pelo próprio primo do atleta, em entrevista a Rádio Tupi do Rio de Janeiro. Ele disse que a ex-modelo está enterrada na Grande BH. “Está enterrada em um sitiozinho em Belo Horizonte, próximo ao aeroporto de Confins, antes de chegar lá. É uma estrada de chão bastante deserta. Não tem muito movimento, um lugar praticamente abandonado”, disse. O jovem, na época menor de idade, presenciou a morte de Eliza pelas mãos de Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, condenado pela execução.

O jovem veio para Belo Horizonte nesta tarde e foi direto ao sítio na companhia do tio, um advogado e policiais do Comandos de Operações Especiais (COE) do Rio de Janeiro. Ao confirmar que o terreno era o local onde a modelo foi enterrada, o grupo foi até uma companhia da PM em Vespasiano e em seguida até o DHPP.

Jorge foi ouvido por aproximadamente três horas. O depoimento agradou o delegado Wagner Pinto. “Vamos checar as informações passadas por ele. Achei um depoimento rico em detalhes e tem uma certa coerência. Ele manteve o mesmo depoimento dado no Rio de Janeiro”, explicou o chefe da delegacia de homicídios.

O delegado confirmou que as buscas devem acontecer na manhã desta sexta-feira. Caso o corpo seja encontrado, nada vai mudar no caso, segundo ele. “Se localizarmo o corpo amanhã, não muda nada nas investigações, pois, inclusive, os envolvidos já foram julgados e condenados pelo crime. Até mesmo por ocultação de cadáver. O que muda é que agora teremos a materialidade do crime”, disse.

Choro de Jorge

"Bingo”. Foi com essa expressão que o primo de Bruno Fernandes, Jorge Rosa Sales, apontou o local onde os restos mortais de Eliza Samudio, morta em 2010, estão enterrados. Na companhia do tio, um advogado e policiais do Comandos de Operações Especiais (COE) do Rio de Janeiro, o jovem foi até um sítio em Vespasiano, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e indicou o provável terreno onde o corpo da ex-amante do goleiro está.

No início da tarde, Jorge chegou a Belo Horizonte junto com o tio, o advogado e os policiais. “Viemos constatar o que ele está confirmando. Fomos até o terreno e o Jorge reconheceu o local. Usou até a expressão bingo. Imediatamente, o sargento entrou em contato com a Polícia Militar e com o delegado Wagner Pinto”, explicou Nélio Andrade.

De acordo com o advogado, Jorge ficou emocionado ao relembrar o local. “Ele chorou e se arrepiou. Apontou e não quis ficar no local. Está muito emocionado. Ele quer tirar um peso da consciência dele e me disse que queria limpar o coração. Por isso resolveu fazer essas novas revelações”, disse.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade