Publicidade

Estado de Minas

Berlusconi sobre o 11 de setembro: "chorei sem parar"


postado em 10/09/2011 14:42

O chefe do governo italiano, Silvio Berlusconi, disse que no momento dos atentados do 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos, não pôde parar de chorar.

Durante um programa especial, divulgado na noite deste sábado pelo canal Rai Uno, o presidente do Conselho lembrou que "como todos, acompanhei os fatos transmitidos pela televisão e as lágrimas não cessaram de correr".

"Antes do 11 de Setembro, os países ocidentais tinham a certeza absoluta de que eram seguros (...) principalmente depois da queda do Muro de Berlim", continuou Berlusconi.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade