Publicidade

Estado de Minas

Provas do Concurso para o Itamaraty são suspensas

Primeira fase seria realizada nas capitais dos 26 estados da Federação e no DF neste domingo


28/05/2021 22:12

(foto: Bruno Peres/CB/D.A Press)
(foto: Bruno Peres/CB/D.A Press)
Nesta sexta-feira (28/5), o Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) divulgou um comunicado em que suspende a realização da prova objetiva do concurso de Admissão à Carreira de Diplomata de 2020. O exame estava marcado para o próximo domingo (30/5). 

Segundo a banca organizadora, a decisão de adiar a prova do concurso ocorreu devido à pandemia de covid-19. Esta é a segunda vez que o certame é adiado. 
Em março, a prova passou do dia 11 de abril para o próximo domingo.


O novo cronograma será anunciado posteriormente. 

Leia abaixo o comunicado na íntegra: 

“O Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) torna pública a suspensão da prova objetiva da primeira fase do Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata de 2020, prevista para o dia 30 de maio de 2021, em vista da publicação do Decreto do Estado de Pernambuco nº 50.752, de 24 de maio de 2021, do Decreto Municipal da cidade de Curitiba-PR nº 940, de 28 de maio de 2021, do Decreto do Estado de Alagoas nº 74.511, de 26 de maio de 2021, e do Decreto do Estado do Maranhão nº 36.531, de 3 de março de 2021 (texto consolidado, publicado em 26 de maio de 2021, conforme Diário Oficial do Estado do Maranhão), no contexto da situação de emergência de saúde pública decorrente da pandemia COVID-19.

Novo cronograma de provas e atividades será publicado oportunamente no Diário Oficial da União.” 

O concurso 
O concurso é realizado pelo Instituto Rio Branco (IRBr) em parceria com o Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades). Segundo o edital, são ofertadas 25 vagas para a classe inical de terceiro-secretário, sendo 18 para ampla concorrência, cinco para negros e duas para candidatops com deficiência.

A remuneração inicial do posto no Brasil é de R$ 19.199,06 (valor bruto). Para concorrer é necessário ser brasileiro nato; apresentar diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior, emitido por instituição de ensino credenciada pelo Ministério da Educação (MEC); ter idade mínima de 18 anos; entre outros requisitos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade