Publicidade

Estado de Minas

Ministério da Economia lança edital de seleção com 350 vagas e salário R$ 8,3 mil

Haverá prova em Brasília/DF, Belém/PA, Florianópolis/SC, Recife/PE, Rio de Janeiro/RJ e São Paulo/SP


21/08/2020 09:25

(foto: Divulgação/Senado Federal )
(foto: Divulgação/Senado Federal )
O edital de abertura do novo processo seletivo simplificado do Ministério da Economia foi lançado no Diário Oficial da União (DOU), desta sexta-feira (21/8)! O objetivo é a contratação, por tempo determinado, de profissionais de tecnologia da informação em atividades técnicas de complexidade gerencial, de Tecnologia da Informação e de Engenharia Sênior, para a execução de projetos relacionados à Estratégia de Governo Digital, instituída pelo Decreto nº 10.332, de 28 de abril de 2020. 

Segundo o regulamento, o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) é a banca organizadora que vai aplicar provas objetivas, para todos os candidatos, em Brasília/DF, Belém/PA, Florianópolis/SC, Recife/PE, Rio de Janeiro/RJ e São Paulo/SP. Além disso, haverá também prova de títulos. 

A remuneração é de R$ 8.300 para 40 horas semanais de trabalho. Para concorrer é necessária graduação em informática/computação ou de graduação em qualquer área de formação com pós-graduação em informática/computação (mínimo de 360 horas). São 350 vagas, ao todo, divididas em sete especialidades, cada uma com 50 vagas (37 de ampla concorrência, 3 para pessoas com deficiência 10 para negros): 
  • especialista em análise de processos de negócios especialista em ciência de dados
  • especialista em desenvolvimento de software
  • especialista em experiência do usuário (UX)
  • especialista em gestão de projetos
  • especialista em infraestrutura de tecnologia da informação (TI)
  • especialista em segurança da informação e proteção de dados. 

As inscrições começaram hoje e vão até 2 de setembro. Interessados devem se candidatar pelo site www.cebraspe.org.br/concursos/me_20_pss. A taxa custa R$ 60. 

Prova objetiva 

A prova objetiva terá 120 questões de CERTO e ERRADO, sendo 50 de conhecimentos gerais e 70 de conhecimentos específicos. Serão 3 horas e 30 minutos para resposta, com aplicação prevista para 11 de outubro. Já a prova de títulos valerá 10 pontos, ainda que a soma dos valores dos títulos enviados seja superior a esse valor. 

Serão cobrados conhecimentos em português, inglês, raciocínio lógico e conhecimentos específicos de cada especialidade. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade