Publicidade

Estado de Minas

DPE/RO está autorizada a realizar novo concurso para analistas

A comissão organizadora já foi definida


postado em 16/08/2019 11:50

(foto: Divulgação/Google)
(foto: Divulgação/Google)
A Defensoria Pública do Estado de Rondônia (DPE/RO) está autorizada a realizar um novo concurso público e a comissão organizadora, que será responsável pela organização e realização do certame, já está definida! O regulamento da seleção foi publicado no Diário Oficial do Estado, mas a assessoria da DPE/RO não confirmou a previsão da data para publicação do edital. 

O número de vagas ainda não foi definido, mas os candidatos poderão optar entre os cargos de analista – jurídico, de jornalismo, de assistência social, de psicologia, de publicidade e de redação. Os candidatos serão avaliados por prova objetiva e discursiva. 

Para os candidatos com deficiência ficarão reservadas 10% do total de vagas existentes e das que vierem a existir, por cargo, dentro do prazo de validade do concurso público. Para candidatos negros ficarão reservadas 20% das vagas, no mesmo critério.

O concurso público terá validade de dois anos, contados a partir da data da publicação da homologação da classificação final, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período, a depender do órgão. 

Último concurso

Realizado em 2015, o último concurso da Defensoria ofertou 106 vagas, sendo 20 para cargos de analista (nível superior) e 86 para técnicos (nível médio). A Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi a banca organizadora responsável pelo certame, que contou com prova escrita e discursiva.

Para analista os candidatos puderam optar entre as especialidades de contábil, redes e comunicação de dados, administração, assistência social, economia, engenharia civil, comunicação social - jornalismo e publicidade e propaganda, psicologia, redação, jurídico ou programador. 

Já para técnico houve vagas nas especialidades de informática, contabilidade, audiovisual, artes gráficas, administrativo, oficial de diligência e motorista. As remunerações variaram entre R$ 2.245,48 e R$ 4.260,66, além dos acréscimos de auxílio transporte (R$ 5,20 o dia), auxílio alimentação (R$ 700) e auxílio saúde (100). 


* Estagiária sob a supervisão de Lorena Pacheco 


Publicidade