Publicidade

Estado de Minas

Marinha encerra inscrições do concurso para ingresso na Escola Naval

São 31 vagas


postado em 05/07/2019 13:28 / atualizado em 08/07/2019 11:31

(foto: Divulgação/Marinha )
(foto: Divulgação/Marinha )
Encerram nesta sexta-feira (5/7) as inscrições do concurso público da Marinha, que visa admissão à Escola Naval. Estão sendo ofertadas 31 vagas, sendo 19 destinadas a homens e 12 para mulheres. Os interessados devem se inscrever pelo site www.ingressonamarinha.mar.mil.br, até 5 de julho, ou presencialmente nas Organização Militares. O valor da taxa é de R$ 106.
 
O curso é gratuito e terá início em 3 de fevereiro de 2020. Durante as aulas, a bolsa-auxílio é de cerca de R$ 1.176 mensais, além de alojamento, alimentação, ajuda para aquisição de uniformes, assistência médico-hospitalar e alimentação. 

Seleção

O candidatos serão ser submetidos a prova escrita objetiva de matemática e inglês no primeiro dia e a prova escrita objetiva de física, português e de redação no segundo dia de exames, previstos para a 2ª quinzena de agosto e 1ª quinzena de setembro. Haverá ainda verificação de dados biográficos, inspeção de saúde, teste de aptidão física (natação e corrida), avaliação psicológica, verificação de documentos, procedimento de heteroidentificação complementar à autodeclaração e período de adaptação.

As provas serão realizadas em Brasília/DF, Rio de Janeiro/RJ, Angra dos Reis/RJ, Nova Friburgo/RJ, São Pedro da Aldeia/RJ, Vila Velha/ES, Salvador/BA, Natal/RN, Olinda/PE, Fortaleza/CE, Belém/PA, Amapá/AP, Piauí/PI, Santarém/PA, São Luís/MA, Rio Grande/RS, Porto Alegre/RS, Paranaguá/PR, Florianópolis/SC, Ladário/MS, Santos/SP, São Paulo/SP e Manaus/AM.

Outros encerramentos

Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, também encerra hoje as inscrições de dois concursos públicos ofertando 1.737 vagas para cargos de nível médio, técnico e superior. As inscrições devem ser realizadas até as 23h59 pelo site da Fundação Vunesp. 

O primeiro edital oferta 1.109 vagas para auxiliar técnico de educação. A remuneração inicial da carreira é de R$ 1.541,14, para 40 horas de trabalho semanal. Haverá provas objetivas (português, matemática, noções de informática, publicações institucionais e legislação) e dissertativas (estudo de caso) em 1º de setembro, além de títulos.

Já o segundo edital oferta 628 vagas destinadas a coordenadores pedagógico. A remuneração inicial é de R$ 5.187,01, também para 40 horas de trabalho semanal. Os candidatos serão avaliados por provas objetivas, dissertativas e de títulos.


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade