Publicidade

Estado de Minas CARREIRA

TJCE define banca de concurso com mais de 320 vagas para técnico judiciário

Último concurso ocorreu em 2014. Serão ofertadas oito vagas imediatas e as demais para formação de cadastro reserva para cargos efetivos do quadro de pessoal do Poder Judiciário


postado em 05/07/2019 10:36 / atualizado em 05/07/2019 11:35

(foto: Divulgação/TJCE)
(foto: Divulgação/TJCE)


Sem concurso há cinco anos, o Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE) assinou o contrato com a banca organizadora responsável pelo novo concurso público. O certame foi autorizado em abril e a Fundação Getúlio Vargas (FGV) prestará serviços técnicos especializados de organização e realização do certame. 
 
De acordo com a assessoria do órgão, o próximo passo é a publicação do edital, mas ainda não há uma data prevista. 

Serão ofertadas oito vagas imediatas e até 320 vagas para formação de cadastro reserva para cargos efetivos do quadro de pessoal do Poder Judiciário.

As chances serão para o cargo de técnico judiciário, que exige nível médio. O atual vencimento do cargo de técnico judiciário é de R$ 3.913,43.

Último concurso


O certame ocorreu em 2014 e ofertou 238 vagas para os aprovados receberem remuneração de R$ 3.913,43. O Cebraspe foi a banca organizadora responsável. Foram 59.163 candidatos inscritos - o que corresponde a uma concorrência média geral de 248 inscritos por oportunidade. Os candidatos foram avaliados por provas objetivas, provas discursivas e avaliação de títulos.

As oportunidades foram para o cargo de analista judiciário, para a área judiciária (execução de mandados, administração, arquitetura, ciências contábeis, ciência da computação, engenharia civil, engenharia de produção e engenharia mecânica, técnico judiciário), área judiciária, técnico administrativo, desenho auxiliado por computador e edificações.
 

Outras autorizações


O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) também está autorizado a realizar um novo concurso público e já divulgou que serão ofertadas 44 vagas imediatas e formação de cadastro reserva para o cargo de procurador. 

A previsão é de que o concurso ocorra ainda este ano. O próximo passo após a elaboração do edital será a seleção e contratação da banca organizadora que será responsável pela organização e realização do concurso. 

O regulamento do concurso foi publicado e anuncia que a seleção será realizada por prova objetiva, provas discursivas, inscrição definitiva (exames de sanidade física e mental, sindicância da vida pregressa e investigação social), prova oral, prova de tribuna e avaliação de títulos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade