Publicidade

Estado de Minas

PMDF convoca candidatos a praças músicos para prova prática

São 24 vagas, com salário inicial de R$ 4,1 mil


postado em 10/05/2019 11:50 / atualizado em 13/05/2019 11:07

(foto: Divulgação/Agência Brasília )
(foto: Divulgação/Agência Brasília )
Quem está concorrendo às 24 vagas abertas pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), para de formação de praças especialistas músicos e especialistas corneteiros, pode conferir a convocação para a prova prática instrumental, divulgada no Diário Oficial local (DODF), nesta sexta-feira (10/5). 

Estão convocados para a etapa de prova prática instrumental de música todos os candidatos considerados aptos na avaliação psicológica. A etapa de prova prática instrumental valerá 10 pontos, sendo o candidato considerado apto ou inapto. Será eliminado do certame o candidato que obtiver, na etapa de prova prática instrumental, nota inferior a cinco pontos. O teste é de presença obrigatória e de caráter exclusivamente eliminatório. 

Na prova prática instrumental serão avaliadas interpretação musical e sua conformidade com o estilo da obra, a afinação, a articulação, a dinâmica, a precisão rítmica, a qualidade do som e da execução instrumental e a qualidade da leitura à primeira vista. 

Na etapa o candidato deverá executar três peças: 
  • uma peça de livre escolha, com pontuação máxima igual a três pontos;
  • uma peça de confronto com pontuação máxima igual a três pontos; e
  • uma peça para leitura à primeira vista, com pontuação máxima igual a quatro pontos. 

As instruções podem ser conferidas em sua íntegra a partir da página 42

Saiba mais 

O edital foi lançado em janeiro de 2018 pelo Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades). A remuneração durante o curso de formação de praças é de R$ 4.119,22, mais R$ 850 de auxílio alimentação. Há chances para que toca clarineta Bb/clarones Bb e Eb, saxofone, trompa F, trompete Bb, trombone tenor/trombone baixo, tuba Bb e corneteiro. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade