Publicidade

Estado de Minas

MPU anula questão e publica novo resultado para técnicos em administração

Todos os candidatos cuja nota final nas provas objetivas foi alterada , passam a ser considerados sub judice


postado em 30/04/2019 11:20 / atualizado em 03/05/2019 05:08

(foto: MPU/Divulgação)
(foto: MPU/Divulgação)
O Ministério Público da União (MPU) divulgou, nesta terça-feira (30/4), por meio do Diário Oficial da União, uma retificação do resultado final das provas objetivas do concurso público para os cargos de técnico de administração. A mudança se deu a partir da anulação do item nº 67, considerando-se o caderno de provas modelo. Confira aqui o resultado.

Com a anulação do item, foi determinado que fosse realizada uma nova classificação de todos os candidatos neste cargo, após o recálculo da pontuação. 

De acordo com o MPU, os candidatos que constavam no resultado anterior e que não aparecerem na nova lista , estão eliminados em razão da anulação do item. Todos os candidatos cuja nota final nas provas objetivas foi alterada , passam a ser considerados sub judice.

A avaliação biopsicossocial para candidatos que se declararam com deficiência e o processo de verificação para as vagas de negros estão marcados para 26 de maio.

O candidato deverá, obrigatoriamente, acessar o site da banca,a a partir de 21 de maio, para verificar o local e horário de realização da avaliação biopsicossocial, por meio de consulta individual. 

Ao todo, foram contabilizadas 264.924 pessoas inscritas no concurso, organizado pelo Cebraspe. Estão em jogo 47 vagas imediatas e formação de cadastro reserva para técnicos e analistas do órgão. Desse total, 229.169 são candidatos de ampla concorrência (37 vagas), 35.755 são candidatos negros (sete vagas) e 4.761 são pessoas com deficiência (três vagas). As provas foram aplicadas em 21 de outubro de 2018.

Veja o que a publicação determina  na íntegra:

a) a retificação do resultado final nas provas objetivas, em razão da anulação do item nº 67 (considerando-se o caderno de provas modelo), somente para o cargo 2: Técnico do MPU - Especialidade: Administração, divulgado pelo item 2 do Edital nº 5 - MPU, de 7 de novembro de 2018, sendo que os candidatos que constavam do resultado citado no referido edital e que não mais constam do presente edital estão reprovados nas provas objetivas e, consequentemente, eliminados do concurso;

b) a exclusão dos candidatos eliminados na forma da alínea anterior, em razão da anulação do item nº 67 (considerando-se o caderno de provas modelo), da convocação para a avaliação biopsicossocial e da convocação para o procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros, divulgadas, respectivamente, por meio dos itens 3 e 4 do Edital nº 5 - MPU, de 7 de novembro de 2018, tornando sem efeito as convocações deles;

c) a exclusão de candidatos eliminados na forma da alínea "a" do caput deste edital, em razão da anulação do item nº 67 (considerando-se o caderno de provas modelo), dos resultados finais na avaliação biopsicossocial e no procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros, divulgados, respectivamente, por meio dos itens 1 e 2 do Edital nº 9 - MPU, de 13 de dezembro de 2018, tornando sem efeito os resultados por eles obtidos;

d) a convocação para a avaliação biopsicossocial dos candidatos que se declararam pessoas com deficiência e que passaram a ser aprovados nas provas objetivas, em razão da anulação do item nº 67 (considerando-se o caderno de provas modelo), observados os quantitativos estabelecidos no subitem 9.11.6 do Edital nº 1 - MPU, de 21 de agosto de 2018;

e) a convocação para o procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros dos candidatos que se inscreveram para essas vagas e que passaram a ser aprovados nas provas objetivas, em razão da anulação do item nº 67 (considerando-se o caderno de provas modelo), observados os quantitativos estabelecidos no subitem 9.11.6 do Edital nº 1 - MPU, de 21
de agosto de 2018;

f) ficam mantidos os resultados na avaliação biopsicossocial para todos os candidatos que foram convocados para essa avaliação por meio do Edital nº 6 - MPU, de 19 de novembro de 2018, e que foram considerados aprovados no presente edital;

g) ficam mantidos os resultados no procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros para todos os candidatos que foram convocados pelo Edital nº 6 - MPU, de 19 de novembro de 2018, e que foram considerados aprovados no presente edital;

h) todos os candidatos cuja nota final nas provas objetivas foi alterada em razão da anulação do item nº 67 (considerando-se o caderno de provas modelo) passam a ser considerados sub judice.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade