Publicidade

Estado de Minas

Último dia! Exército encerra inscrições de concurso com 1.100 vagas

A seleção é para admissão aos cursos de formação de sargentos das áreas geral, aviação, música e saúde


postado em 20/03/2019 12:17 / atualizado em 21/03/2019 11:33

(foto: Exército/Divulgação)
(foto: Exército/Divulgação)
O Exército encerra, nesta quarta-feira (20/3), as inscrições para o concurso público com 1.100 vagas para a Escola de Sargentos das Armas (ESA). A seleção é para admissão aos cursos de formação de sargentos das áreas geral, aviação, música e saúde, com início em fevereiro de 2020 e término em dezembro de 2021.

Os interessados podem realizar o cadastro até 23h59  desta quarta, por meio do site  www.esa.eb.mil.br. O valor da taxa será de R$ 95. No ato da inscrição, o candidato deverá optar também pelo local de realização da prova objetiva, entre eles estão:

Podem concorrer candidatos com nível médio, com idade entre 17 e 24 anos para a área geral/aviação ou entre 17 e 26 anos para as áreas de música e saúde. O Exército ainda exige altura mínima de 1,60m para homens e 1,55m para mulheres. 

O concurso

O edital determina que estão abertas 1.000 vagas, sendo 900 para candidatos do sexo masculino e 100 para as candidatas do sexo feminino,nas áreas gerais e aviação .  Outras 60 vagas para músicos (clarineta, tuba, flauta, fagote, oboé, saxhorne, saxofone, trompa, trombone, trompete, entre outros naipes). Há ainda 40 oportunidades para área de saúde (técnico em enfermagem). 

A área geral do concurso é dividida em: infantaria, cavalaria, artilharia, engenharia e comunicações, e material bélico – manutenção de viatura auto, material bélico – manutenção de armamento, material bélico – mecânico operador, material bélico – manutenção de viatura blindada, manutenção de comunicações, topografia e intendência. Já a área de aviação é dividida em aviação-manutenção e aviação-apoio.

Leia mais: Confira as vagas abertas em concursos do Exército, Marinha e Aeronáutica 

Etapas 

O curso de admissão para matrícula terá as seguintes fases:

  •  1ª fase: exame intelectual, valoração de títulos, exame de habilitação musical (para os candidatos, da área de música, inspeção de saúde, exame de aptidão física preliminar.

  •  2ª fase: revisão médica, exame de aptidão física definitivo, comprovação dos requisitos biográficos dos candidatos e comprovação através da heteroidentificação, para os candidatos que se autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição, e indicado em campo específico que pretende concorrer pelo sistema de reserva de vagas, de caráter eliminatório.

Os candidatos serão submetidos a exame intelectual em 4 de agosto e 2019. As provas serão objetivas e compostas da seguinte forma:

  • 1ª parte - Prova de matemática (12 questões objetivas para Área Geral / Aviação e 8 questões objetivas para Áreas Música e Saúde);
  • 2ª parte - Prova de Português (12 questões objetivas para Área Geral / Aviação e 8 questões objetivas para Áreas Música e Saúde);

  • 3ª parte - Prova de História e Geografia do Brasil (12 questões objetivas, sendo 6 questões de cada disciplina para Área Geral / Aviação e 8 questões objetivas, sendo 4 questões de cada disciplina para Área Música e Saúde);

  • 4ª parte - Prova de Inglês (4 questões objetivas para Área Geral / Aviação e 4 questões objetivas para Área Música e  Saúde);

  • 5ª parte - Prova de Conhecimentos Específicos da área técnica de Enfermagem para Área Saúde (12 questões objetivas) e Prova de Teoria Musical para Área Música (12 questões objetivas); 

  • 6ª parte - Prova de Português (questão única discursiva - redação).

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade