Publicidade

Estado de Minas

Aparelhos invisíveis? Conheça as vantagens do procedimento que vem crescendo no Brasil


postado em 15/02/2020 22:19

Feito de placas transparentes semelhante às usadas em clareamento dental, o tratamento ajusta problemas ortodônticos à medida que os alinhadores são trocados

Dr. Gustavo Menegucci/Divulgação / MF Press Global
Dr. Gustavo Menegucci/Divulgação / MF Press Global

A possibilidade de ter um tratamento mais rápido e eficiente aliado à estética tem feito com que cada vez mais pessoas busquem por aparelhos invisíveis, em especial os adultos, que representam quase 50% dos indivíduos que usam algum tipo de aparelho ortodôntico segundo a Associação Paulista de Ortodontia. 

O dentista Gustavo Menegucci é especialista nesse tipo de aparelho e avalia que a crescente demanda é uma via de mão dupla, já que, da mesma forma que ajuda adultos a corrigirem o sorriso sem afetar a autoestima, pressiona o mercado a tornar o tratamento mais acessível. "Daqui alguns anos, acredito que esse será o tratamento padrão adotado no Brasil", estima. 

Apesar da tendência, esse tipo de aparelho não é uma novidade e foi criado antes da virada do século, mais especificamente na década de 90. "É uma técnica que veio se desenvolvendo e conquistando espaço entre os profissionais. A menos de dez anos atrás, era uma tecnologia que não era sequer oferecida no Brasil. Os poucos pacientes que o faziam tinham que importar tudo e isso tornava o tratamento caríssimo", conta. 

Principais vantagens

Invisibilidade: Feito de um material transparente, esse tipo de aparelho não possui nenhum tipo de metal. A caraterística permite que o paciente use o aparelho de forma quase imperceptível, podendo sorrir e se comunicar com confiança. 

Alimentação: Por ser removível, o paciente consegue comer sem transtorno. Isso evita os desconfortos alimentares que normalmente afetam àqueles que optam pelos aparelhos tradicionais.  

Conforto: A tecnologia usada para a fabricação dos aparelhos invisíveis faz com que cada placa removível seja personalizada, assim ele se ajusta a dentição sem causar dor ou desconforto. 

Higiene: Ao colocar esse tipo de aparelho, o paciente pode seguir com a rotina de higiene sem muitas alterações. O aparelho é removido para que ocorra a escovação. 

Sem dor: O material evita cortes e inflamações comumente provocados pelos metais.   

Velocidade: Alguns alinhadores aceleram os tratamentos em até duas vezes. No geral, o tempo de usa varia de seis meses a dois anos.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade