Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Bittencourt: Nova despesa tem de ser compensada por arrecadação permanente


29/07/2021 17:34

O secretário do Tesouro Nacional, Jeferson Bittencourt, disse ser "natural" que a criação de um novo programa social seja compensada por uma "arrecadação incerta" como a taxação de dividendos.

No sumário executivo que acompanha a divulgação do resultado primário do governo central, o Tesouro fez uma defesa de regras fiscais e citou que a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) veda a criação de despesas obrigatórias de caráter permanente sem que haja uma compensação.

Bittencourt rebateu matérias que disseram que o governo não poderia compensar o novo programa social com a tributação de dividendos porque a arrecadação é incerta. "Toda arrecadação é estimativa. Se novo programa social fosse compensado por despesa certa, não valeria para a LRF, porque significaria uma piora no meu resultado fiscal", afirmou.

O secretário afirmou ainda que a discussão sobre reduzir a carga de impostos com a reforma tributária só é possível porque a consolidação fiscal vem sendo feita pelo governo.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade