Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Fed: escalada de juro público e pandemia são riscos à estabilidade em emergentes


06/05/2021 18:50

O Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) alertou, nesta quinta-feira, para o risco de que a escaladas dos juros de títulos públicos e dificuldades na contenção do coronavírus tragam riscos para a estabilidade financeira de economias emergentes. Em relatório semianual, a autoridade monetária destaca que países endividados podem enfrentar consequências adversas do aumento dos custos de empréstimos, em meio à escalada dos rendimentos no mundo desenvolvido.

"Se este aumento nos custos do serviço da dívida não forem acompanhados por uma melhora nas perspectivas econômicas globais, alguns emergentes podem ver novamente saídas de capital significativas, que podem ser exacerbadas por uma queda no apetite pelo risco global ou problemas nos sistemas bancários", advertiu a instituição.

Para o Fed, diante dessas circunstâncias, autoridades terão pela frente um quadro desafiador, porque têm capacidade fiscal limitada. Tais questões em nações em desenvolvimentos, diz a entidade, teriam repercussões também nos EUA, dada a alta exposição de instituições americanas a empresas e soberanos emergentes.

De acordo com o relatório, apesar da forte recuperação econômica, a China continua tendo níveis de dívida corporativo e governamental, setor financeiro vulnerável e distorções no mercado imobiliário. O Fed avalia que, caso medidas de Pequim para conter o setor de propriedades não tenham efeito, a especulação seguirá aumentando.

"Considerando o tamanho da economia e do sistema financeiro da China, bem como suas extensas ligações comerciais com o resto do mundo, as tensões financeiras chinesas podem prejudicar ainda mais os mercados financeiros globais e afetar negativamente os EUA", salientou o documento.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade