Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

PMI composto da zona do euro se mantém em 50,9 em janeiro e frustra expectativas


postado em 24/01/2020 06:15

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) composto da zona do euro, que engloba os setores industrial e de serviços, ficou estável em janeiro ante dezembro, em 50,9, segundo dados preliminares divulgados hoje pela IHS Markit. O resultado acima de 50 mostra que a atividade econômica no bloco continua em ritmo de expansão modesto, mas frustrou a expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam alta do indicador a 51,1.

Apenas o PMI industrial da zona do euro subiu de 46,3 em dezembro para 47,8 em janeiro, atingindo o maior nível em nove meses e superando a projeção do mercado, que era de avanço a 46,7. Neste caso, porém, a leitura abaixo de 50 aponta contração no setor.

Já o PMI de serviços do bloco caiu de 52,8 para 52,2 no mesmo período, sendo que a previsão era de queda apenas marginal, a 52,7.


Publicidade