Publicidade

Estado de Minas SEDUÇÃO NAS VITRINES

Confiantes na 'magia do Natal', lojas de decoração de festas oferecem serviços personalizados

Estabelecimentos capricham na oferta de artigos natalinos para locação e venda, oferecendo ainda suporte e serviços de montagem para o cliente entrar no clima das festas


postado em 02/12/2019 04:00 / atualizado em 02/12/2019 10:27

Irmãs e sócias na Embalagens Santa Luzia, Kátia e Patrícia Moreno rechearam a loja de novidades para as comemorações deste período (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)
Irmãs e sócias na Embalagens Santa Luzia, Kátia e Patrícia Moreno rechearam a loja de novidades para as comemorações deste período (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)

Ho, ho, ho!, neste mês de festas, o comércio direciona todas as atenções para o Natal. Em lojas de artigos para decoração, o movimento cresceu e vem demonstrando que mesmo em meio à crise econômica o mineiro não abre mão de enfeitar a casa, o prédio, o local de trabalho.
 
Ainda que com cortes no orçamento, a corrida por artigos clássicos, como árvores, bonecos, guirlandas, bolas e objetos diversos que remetem ao clima de magia, movimenta a cidade.
 
Sócias no comando da Embalagens Santa Luzia, as irmãs Kátia Moreno Gomes Lisboa Nogueira e Patrícia Moreno Gomes rechearam a loja de novidades para as festas de fim de ano. “Trabalhamos com árvores, bolas, bonecos, flores, picks (enfeite com haste de encaixe), galhos, fitas, guirlandas e guardanapos natalinos. Temos, ainda, uma grande linha de embalagens (sacos, sacolas, caixas, latas) com estampas de Natal”, detalha Patrícia. A empresária aponta as árvores como o item mais procurado e diz que há preços para todo tipo de orçamento. “De R$ 15,90 até R$ 2.821”, revela.
 
Entre os demais itens, ela cita os picks, “ótimos complementos e muito usados por quem gosta de fazer porta-guardanapos (de R$ 4,90 a R$ 18,20)”. Outra ideia que faz sucesso é incrementar a decoração com flores. “Elas ajudam a preencher árvores, arranjos e guirlandas (os preços vão de R$ 6,90 a R$ 19,95)”, sugere. Já os galhos, cita Patrícia, custam a partir de R$ 2,90 e são usados como ponteira, decoração de árvores e guirlandas. A oferta de bonecos natalinos é variada, com diversidade de modelos e de preços.
 
Como tendência para o Natal 2019, a especialista aponta as cores rosê e os tons de nude, “que voltam a todo vapor!”. Além deles, são muito procurados os clássicos vermelho e dourado, “tradicionais que nunca saem de moda”. Para além das cores, ela sugere enfeites de capim, como ursos, raposas, pássaros, corujas e renas. “Ficam bem bacana para cenários de aparadores, centros de mesa ou mesmo na decoração de árvores.”
A preocupação com a qualidade dos produtos e a variação de preços é constante no negócio de família, registra Patrícia. “Atendemos nossos clientes de orçamento apertado da mesma forma que atendemos os clientes que não estão preocupados com o custo final da decoração. Para isso, temos pessoal disponível para ajudar e até ensinar alguns truques, como fazer laços de fitas, sugestões para compor decorações, montar guirlandas, cenários e decorações de árvores com os produtos disponíveis aqui.”
 
Em época de estagnação econômica, a empresária garante que dá para investir na magia do Natal sem estrangular o orçamento. “Outro dia, uma cliente ligou e perguntou se era possível montar uma árvore com R$ 100. Nossa resposta foi sim, e de bom gosto.”
 
Ela afirma, ainda, que Natal é sempre Natal. “Principalmente depois de um ano difícil como este, é hora de as pessoas se animarem, se reunirem, compartilharem! Sendo assim, nossas expectativas para as vendas de fim de ano são as melhores.”

Europeu

Propretário da Casa Maia, loja de decoração tradicional na cidade, Alexandre Maia conta que a equipe já está a mil por hora, com muitas vendas no varejo e instalações de decoração em empresas e condomínios. Reconhecido por oferecer de tudo em linha de Natal para ambientes domésticos e corporativos, o empresário trabalha com vendas e locação, e cita as árvores de Natal como carro-chefe, cujos preços variam de R$ 10 a R$ 10 mil. “A tendência para a temporada 2019 é muito branco, reproduzindo o Natal europeu”, frisa.
 
Tanto que Maia cita a linha branca nevada e a de característica mais rústica como hits. A loja oferece como diferencial o know-how da matriarca da família na decoração, a mãe de Alexandre, dona Paulina. “Aos 84 anos, é ela quem decora todas as árvores-modelo das lojas, além de treinar a equipe para a montagem e decoração de árvores, criação de cenários e muito mais.”
 
Maia revela que compras acima de R$ 1,5 mil ganham a montagem da decoração de árvores de até 2,4 metros. E destaca: “Nossas perspectivas são as melhores, pois trabalhamos com sonho, magia, felicidade e emoções”.

Locação

“Estamos até surpresos com o crescimento na procura, a demanda está aquecida. Apesar de muitos clientes terem diminuído a verba disponível para a decoração de Natal, estamos com uma clientela nova maior, o que, para nós, é muito interessante”, revela Claudia Machado Travesso, sócia-proprietária da Casa Futuro, especializada em locação de peças.

A empresária explica que trabalha principalmente com duas linhas de frente. Uma é o aluguel de árvores decoradas e iluminadas. Outro, projetos para áreas públicas. “Os produtos mais procurados são as árvores decoradas, que variam de R$ 600 a R$ 4 mil (por período de 30 dias, em média).”
 
Novidade, conta, “é a grande procura de cenários da sala do Papai Noel, com valores a partir de R$ 4 mil. Além disso, temos guirlandas de vários tamanhos, com preços que variam de R$ 80 a R$ 300”.
 
Especializados na locação de produtos para o Natal há 20 anos, Cláudia aponta como diferencial da empresa o know-how no serviço. “Além da proposta em si, atendemos o cliente com um catálogo das decorações disponíveis, que mostra a imagem do que será alugado, equipe treinada e de confiança. Temos tanto o serviço de montagem com o nosso produto quanto com o produto do cliente.”
 
Entre as tendências para o Natal de áreas corporativas, a especialista cita decorações personalizadas. “Já para os shoppings temos muitos pedidos de decorações tradicionais, e para o cliente pessoa física são as árvores de cores variadas que fazem mais sucesso”, completa.
 
A empresária adianta, ainda, que assinará a decoração de fim de ano da Praça da Liberdade. “A palavra de ordem é parcimônia, então, faremos um projeto simples, mas com muito brilho e criatividade.”



Publicidade