Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Dólar à vista cai à mínima de R$ 4,2412 após venda de US$ 1 bi por BC


postado em 28/11/2019 10:21

O dólar à vista renovou a mínima em R$ 4,2412 (-0,41%), reagindo à venda de US$ 1 bilhão em leilão no mercado spot pelo Banco Central, após a autoridade ter recusado as propostas nos leilões conjugados à vista, de US$ 785,0 milhões, com oferta de swap reverso.

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, já encerrou seu discurso em evento em Brasília, mas não falou sobre câmbio e juros e saiu sem falar com a imprensa.

O leilão de venda à vista é o quarto na semana, após o dólar ter saltado para R$ 4,270 nas máximas de terça-feira e na quarta-feira, obrigando o BC a dispor de sua artilharia para tentar conter o ímpeto da moeda americana, que vem fechando no patamar de R$ 4,250, em novos recordes nominais do Plano Real.

Segundo operadores de câmbio, o estopim da escalada do dólar foi o ministro da economia, Paulo Guedes, que disse que o dólar acima de R$ 4,20 não preocupa e é que "é bom se acostumar com dólar mais alto e juros mais baixo".


Publicidade