Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

'País atrai fundos de pensão do Canadá para infraestrutura'


postado em 05/10/2019 12:15

A secretária especial do Programa de Parcerias de Investimento (PPI), Martha Seillier, avalia que o cenário internacional favorece o Brasil a atrair fundos de pensão canadenses interessados em infraestrutura mesmo antes de reconquistar o grau de investimento. Confira os principais trechos da entrevista:

Quando o Brasil ganhou o grau de investimento, chegou um novo tipo de investidor no País, os fundos de pensão. Depois que a gente perdeu o rating, eles pararam de vir. Dado que a gente ainda não tem ainda grau de investimento, esses fundos demonstraram algum interesse?

Sim, muito. Os investidores canadenses nos deram um pouco da percepção deles sobre oportunidades no mundo. Olham para o Brasil como um grande gerador de demandas por investimento de infraestrutura. E elogiaram muito o fato de o Brasil ter uma carteira que tem continuidade.

De que forma?

A gente está retomando leilões de direitos minerais, que era uma coisa que o Brasil não fazia há 40 anos. Lá tem muito investidor interessado nessa área de exploração minerária. E eles falam que 'para a gente é muito interessante saber que não vai ser apenas um leilão em outubro, outro em janeiro eventualmente'.

Quais são as principais áreas de interesse?

Interessa muito investir em saneamento básico no Brasil. Essa sinalização para a gente foi importante porque estamos em fase adiantada no Congresso para rever o marco legal. Podemos chegar no Congresso e dizer: "Olha, se a lei trouxer a segurança jurídica que o investidor privado precisa, a gente realmente pode ter uma transformação desse setor porque é uma carteira que interessa muito o investidor estrangeiro."

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


Publicidade