Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Produção total de petróleo e gás pela Petrobras em setembro fica estável


postado em 26/10/2018 19:45

A produção total de petróleo e gás da Petrobras, incluindo líquidos de gás natural (LGN), foi de 2,47 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed) em setembro, sendo 2,35 milhões boed produzidos no Brasil e 125 mil boed no exterior.

A produção total de óleo e gás se manteve estável comparada ao mês anterior, com redução na parcela de produção de óleo, principalmente, por causa das paradas para manutenção das plataformas P-57, no campo de Jubarte, e P-52, no campo de Roncador, ambas localizadas na Bacia de Campos. Isto foi compensado pelo aumento na produção de gás devido, principalmente, à normalização da produção da plataforma de Mexilhão. No acumulado de 2018 a produção total soma 2,6 milhões de boed, frente à meta de 2,7 milhões de boed, informou a empresa.

Já a produção total operada da companhia (parcela própria e dos parceiros) foi de 3,18 milhões boed, sendo 3,02 milhões boed no Brasil.

A produção própria de óleo no Brasil totalizou 1,88 milhão de barris por dia (bpd), queda de 2% na variação mensal. No acumulado de 2018, foi de 2,0 milhões de bpd, ante a meta de 2,1 milhões de bpd.

A estatal destaca ainda que atingiu o recorde mensal de aproveitamento do gás produzido, de 97,1%.

"A Petrobras mantém o seu compromisso com a meta de produção divulgada no Plano de
Negócios e Gestão 2018-2022, tendo em vista o ramp-up de produção das plataformas que já iniciaram operação este ano (P-74, no campo de Búzios, FPSO Cidade de Campos, no campo de Tartaruga Verde e P-69, no campo de Lula) e o início da produção de novos sistemas previstos até o final de 2018", afirma a empresa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade