Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Minas Gerais paga contrato de carros da GM


postado em 25/09/2018 07:30 / atualizado em 25/09/2018 09:17

O governo de Minas Gerais teria quitado o contrato de R$ 24 milhões com a montadora General Motors relativo à compra de 323 carros que foram entregues entre abril e maio deste ano, afirmou uma fonte com conhecimento do assunto ao jornal O Estado de S. Paulo. Há cerca de duas semanas, a montadora havia conseguido liminar na Justiça que exigia a devolução dos veículos. Com a quitação, a ação será encerrada.

Segundo apurou o jornal O Estado de S. Paulo com fonte próxima ao assunto, a ação judicial foi uma forma de pressionar pelo pagamento. Além disso, foi uma maneira que a companhia americana encontrou de não cair nas dívidas pagas por precatórios, o que pode significar cerca de uma década de espera para receber, em meio ao caos financeiro do governo mineiro.

Conforme apurou a reportagem, os carros do modelo Spin são veículos de passeio e eram usados para transporte de servidores e cidadãos. Os veículos foram entregues pouco antes do início da campanha do governador Fernando Pimentel (PT) à reeleição. A renovação da frota estadual foi tema de propagandas de rádio e TV do candidato.

O pagamento também evitou um prejuízo à GM. Isso porque, caso recebesse os carros de volta, a estratégia provavelmente seria revendê-los rapidamente, por um valor bem abaixo do cobrado por automóveis novos.

Procurado, o governo de Minas Gerais não respondeu os contatos da reportagem. A GM não quis comentar.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade