Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Gustavo Borba renuncia ao cargo de diretor da CVM


postado em 30/08/2018 09:22

O governo federal exonerou Gustavo Rabelo Tavares Borba do cargo de diretor da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), autarquia vinculada ao Ministério da Fazenda. A exoneração está publicada no Diário Oficial da União (DOU) e se deu "em virtude de renúncia" do diretor. A exoneração tem vigência a partir do dia 12 de setembro.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade