Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Powell diz que economia dos EUA está forte e há motivos para esperar continue


postado em 24/08/2018 15:15

O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), Jerome Powell, mostrou otimismo com o quadro econômico dos Estados Unidos, em discurso nesta sexta-feira em Jackson Hole, Wyoming, onde o Fed realiza seu simpósio anual. Segundo a autoridade, a economia do país está "forte", em um quadro de inflação perto da meta de 2% e no qual a maioria das pessoas em busca de emprego consegue vagas. "Eu e meus colegas monitoramos cuidadosamente os dados e estamos estabelecendo uma política monetária que possa apoiar a continuidade do crescimento, um mercado de trabalho forte e a inflação perto de 2%."

Em seu discurso, Powell também se mostrou comprometido a "fazer o que for preciso", caso as expectativas de inflação subam ou recuem muito ou diante de uma ameaça de crise. Além disso, comentou que uma década de reformas regulatórias e avanços do setor privado aumentaram a força e a resistência do sistema financeiro, o que reduz a probabilidade de que "os inevitáveis choques financeiros se transformem em crises".

Powell defendeu a continuidade de um aperto monetário gradual, no quadro atual. Segundo ele, esse processo é "adequado", caso os ganhos de renda e emprego continuem a ocorrer. "Há bons motivos para esperar que a economia siga forte", apontou. Nesse quadro, "ancorar as expectativas de inflação no mais longo prazo é vital para atingir todas as outras metas de política monetária", disse.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade