Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

BC prorroga prazo para conclusão de inquérito na Hayata Corretora


postado em 22/08/2018 17:37

O Banco Central prorrogou nesta quarta-feira, 22, por meio do Ato de Diretor nº 641, o prazo para conclusão do inquérito instaurado na Hayata Corretora de Câmbio S.A, atualmente em liquidação extrajudicial. O prazo foi prorrogado por 30 dias.

A liquidação extrajudicial havia sido decretada em novembro do ano passado, considerando "as graves violações às normas legais efetuadas pela Sociedade Corretora de Câmbio".

Na época, o Broadcast (serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado) apurou que a corretora teria cometido irregularidades como a importação fictícia de produtos.

Operações fictícias - em que são declaradas compras de mercadorias sem que elas entrem, efetivamente, no território nacional - geralmente são utilizadas para o envio de dólares ao exterior. As operações também eram feitas em valores menores, para que não entrassem no radar de instituições como o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).

O ato desta quarta foi assinado pelo diretor de Organização do Sistema Financeiro e Resolução, Sidnei Corrêa Marques.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade