Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Natura tem lucro de R$ 31,8 milhões no 2º trimestre; queda de 80,5%


postado em 09/08/2018 18:55

A fabricante de cosméticos Natura reportou lucro líquido de R$ 31,8 milhões no segundo trimestre de 2018, queda de 80,5% na comparação com o mesmo período do ano anterior. No acumulado do primeiro semestre do ano, o lucro atingiu R$ 56,2 milhões, recuo de 84,1%.

A companhia informou que o resultado foi afetado por custos com a transformação da The Body Shop e despesas financeiras da aquisição da marca. Excluindo esses efeitos, o lucro operacional ajustado teria sido de R$ 230,5 milhões, contra um lucro de R$ 210,6 milhões no segundo trimestre de 2017.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) consolidado do grupo entre abril e junho foi de R$ 334,4 milhões, crescimento de 12% ante os mesmos meses de 2017. No semestre, o Ebitda soma R$ 653,3 milhões, queda de 1,5%.

Excluindo os efeitos extraordinários, a Natura afirma que seu Ebitda ajustado teria sido R$ 371,9 milhões entre abril e junho, 24,5% maior do que no segundo trimestre de 2017.

A Natura apurou receita líquida consolidada de R$ 3,1 bilhões no segundo trimestre, crescimento de 53% ante igual período do ano passado. Em seis meses, a receita chega a R$ 5,787 bilhões, expansão de 54,2%.

Os analistas não chegaram a um consenso quanto ao lucro da Natura no segundo trimestre.

A receita líquida da companhia ficou em linha com as estimativas. A Natura apurou receita de R$ 3,1 bilhões entre abril e junho, montante próximo dos R$ 3 bilhões da média das projeções do mercado.

O Broadcast considera que o resultado está em linha com as projeções quando a variação para cima ou para baixo é de até 5%.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade